Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

quinta-feira, 6 de julho de 2017

SAÚDE NO BLOG

A OFICINA DE MEMÓRIA 

por Dr. João Roberto D. Azevedo*

Exercícios cerebrais feitos de maneira rotineira apresentam efeitos muito positivos. Semelhante ao que ocorre com exercícios musculares realizados para se manter a forma física, a atividade cerebral também deve ser realizada com freqüência, sempre procurando-se estimular nossos principais sentidos: olfato, gosto, tacto, visão e audição, bem como nossa memória e inteligência. Esse tipo de exercício pode ser denominado "Fitness" Cerebral.
O declínio de nossas funções mentais, que ocorre com a idade, se deve em grande parte à falta de atividade mental que com freqüência segue paralelamente ao envelhecimento. Vários trabalhos científicos realizados em diversos países demonstram claramente que o declínio mental que ocorre com a idade pode ser evitado.
O conceito de que a função faz o órgão aplica-se tanto ao "fitness" muscular quanto ao "fitness" cerebral. Devemos identificar nossas diversas habilidades mentais e exercitá-las, sempre com regularidade. Devemos estimular nossas percepções, nossa memória (recente e antiga) , noções espaciais, habilidades lógicas e verbais, etc.
Os exercícios cerebrais nada mais são do que estímulos às funções cerebrais que podem estar decadentes devido à idade e que já foram ativas no passado. A ativação deve ser feita diariamente, durante as atividades normais, como o caminhar, durante as refeições ou mesmo durante as compras.
Todo dia procure observar um objeto ou pessoa e desenhe suas principais características. No fim de semana procure recordar as figuras. É um tipo de exercício de memória.
Procure identificar ingredientes dos alimentos pelo gosto e cheiro. Faça isto diariamente e depois procure recordar dos mesmos. Memorize os preços das coisas sempre que possível e procure recordá-las mais tarde. 
Procure identificar as pessoas pela voz, ao usar o telefone, por ex. Memorize números de telefones. Memorize no fim do dia as pessoas com quem falou. Depois, procure lembrar-se do mesmo para toda semana. Utilize sempre de anotações para consultas posteriores. Inúmeras outras situações podem ser criadas a partir destas idéias. 
A OFICINA DE MEMÓRIA foi criada a partir destas idéias. É um trabalho que envolve o estudo da memória, suas características e os fatores que atuam sobre ela. São discutidas e vivenciadas estratégias que mantêm e ampliam as funções mentais. Utiliza método desenvolvido de maneira simples e divertida, de administração da memória que tem sido aprimorado ao longo de anos de experiência clínica com resultados bastante favoráveis. 
É desenvolvida por profissionais da SONI - SOCIEDADE NEUROLÓGICA INTEGRADA : professoras Maria Helena Morgani de Almeida (doutoranda da Faculdade de Saúde Pública da U.S.P.) e Janaína Balabanowa (mestranda da Faculdade de Saúde Pública da U.S.P.) e pelo Dr. João Roberto D. Azevedo (médico neurologista e diretor clínico da SONI).

(*) Dr. João Roberto D. Azevedo Médico neurocirurgião autor do livro "Ficar Jovem Leva Tempo… Um Guia para Viver Melhor". Editora Saraiva. E-mail: jrobert@dialdata.com.br - www.ficarjovemlevatempo.com.br

Nenhum comentário: