Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

CITAÇÃO DO DIA

“O amor romântico é como um traje, que, como não é eterno, dura tanto quanto dura; e, em breve, sob a veste do ideal que formámos, que se esfacela, surge o corpo real da pessoa humana, em que o vestimos. O amor romântico, portanto, é um caminho de desilusão. Só o não é quando a desilusão, aceite desde o princípio, decide variar de ideal constantemente, tecer constantemente, nas oficinas da alma, novos trajes, com que constantemente se renove o aspecto da criatura, por eles vestida.” (FERNANDO PESSOA)

CHARGE DO DIA


RAPIDINHAS DO BLOG...

GOVERNO TEMER PRETENDE CRIAR DOIS NOVOS TIPOS DE CONTRATO DE TRABALHO
Com um contingente de 11,6 milhões de desempregados e 623 mil vagas formais fechadas só este ano, a equipe do presidente em exercício Michel Temer estuda formas de tornar viáveis duas novas modalidades de contrato de trabalho: o parcial e o intermitente. As propostas fazem parte da reforma trabalhista que será, ao lado da previdenciária, uma prioridade da agenda econômica caso o impeachment de Dilma Rousseff seja concretizado. Tanto no trabalho parcial quanto no intermitente, a jornada de trabalho será menor do que as 44 horas previstas na legislação atual. Os direitos trabalhistas, como férias e 13.º salário, seriam calculados de forma proporcional. A diferença entre os dois contratos é a regularidade com que o trabalho ocorre. No contrato parcial, a jornada ocorre em dias e horas previamente definidos. Por exemplo, a pessoa poderá trabalhar em um bar somente nos fins de semana. Os técnicos acreditam que esse tipo de contrato vai beneficiar principalmente estudantes e aposentados que precisem complementar sua renda. O trabalho intermitente, por sua vez, é acionado pelo empregador conforme a necessidade. Um técnico do governo exemplifica: o dono de um buffet pode ter um vínculo desse tipo com uma equipe de garçons e cozinheiros. Nos fins de semana em que houver festa, os trabalhadores são chamados. Quando não houver, o empresário não terá custo. O contrato parcial de trabalho já existe na legislação, mas a regulamentação é considerada ruim, o que gera insegurança para o empregador. Por isso, é pouco utilizado. A ideia é aperfeiçoar a legislação. “O que me preocupa é que estamos num momento de desemprego elevado, de economia baixa, e a área empresarial pressiona para o governo colocar na pauta medidas para diminuir os custos, entre aspas, que nós consideramos investimento”, disse o presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT), Ricardo Patah. Já para o pesquisador do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre-FGV) Bruno Ottoni, as regras do País contribuem para aumentar a informalidade e o desemprego. “O mercado de trabalho brasileiro é extremamente rígido e isso acaba gerando distorções.” Ele ressaltou não conhecer as propostas do governo para o trabalho parcial e o intermitente. “Pela experiência internacional, a flexibilização tem efeitos positivos. Só é preciso estudar a natureza dessa flexibilização, pois os trabalhadores temem perder força”. À frente de uma central que tem em sua base principalmente empregados dos setores de comércio e serviços, Patah disse ter disposição para discutir o trabalho parcial, principalmente para jovens e aposentados. No entanto, ele quer garantir que nenhum empregado nessa categoria receba menos do que um salário mínimo. Terceirização. Representantes das centrais sindicais estarão hoje com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) para discutir a pauta de projetos em tramitação na área trabalhista. Patah está preocupado particularmente com o projeto que regulamenta o trabalho terceirizado. “Do jeito que está, todo trabalhador poderá ser terceirizado”, disse. O governo Temer ainda não tem posição sobre essa questão. Por enquanto, a ordem é deixar o Legislativo discutir e votar como achar mais adequado.
REFORMA EM PAUTA
- Regulamentação do trabalho terceirizado
Questão está em análise no Congresso
- Predominância de acordos coletivos sobre a lei
Acordos poderão ter regras diferentes da legislação
- Trabalho parcial
Trabalhadores com jornada inferior a 44 horas semanais, em dias definidos.
- Trabalho intermitente
Trabalhadores com jornada inferior a 44 horas por semana, acionados conforme a necessidade da empresa.

CÃES COMPREENDEM ENTONAÇÃO E VOCABULÁRIO DOS HUMANOS, DIZ ESTUDO
Ao ouvir palavras humanas, os cães conseguem distinguir não apenas o significado da entonação, mas também o vocabulário, de acordo com um novo estudo publicado nesta semana na revista Science. De acordo com os autores, assim como as pessoas, os cães utilizam o hemisfério esquerdo do cérebro para processar palavras e uma região do hemisfério direito para processar a entonação. A descoberta foi realizada por um grupo de cientistas da Hungria. Segundo eles, os resultados sugerem que os mecanismos neurais utilizados para processar as palavras podem ter evoluído muito antes do que se imaginava - e não são exclusivos dos cérebros humanos. "Aprender o vocabulário parece não ser uma capacidade unicamente humana atrelada ao surgimento da linguagem, mas uma função mais antiga, que pode ser explorada para ligar determinadas sequências arbitrárias de sons a significados", afirmou o autor principal do estudo, Attila Andics, da Universidade Eötvös Loránd, em Budapeste.  Segundo Andics, o estudo mostra que em um ambiente rico em fala, como aquele onde vivem os cães domésticos, a representação do significado das palavras pode emergir no cérebro, mesmo em mamíferos não-primatas que não são capazes de falar. Durante o processo de fala, há uma distribuição bem conhecida das atividades no cérebro humano, de acordo com Andics. "O processamento do significado das palavras é feito principalmente pelo lado esquerdo do cérebro, enquanto a entonação é processada pelo lado direito", afirmou. "O cérebro humano não apenas analisa separadamente o que dizemos e como dizemos, mas também integra os dois tipos de informação para chegar a um significado unificado. Nossa descoberta sugere que os cães também podem fazer tudo isso e utilizam mecanismos cerebrais bastante semelhantes", declarou Andics. A etologista Márta Gácsi, outra das autoras do estudo, desenvolveu o método de treinamento que permitiu realizar o experimento com os cães. "Treinamos 13 cães para permanecerem completamente imóveis em um equipamento de imagem por ressonância magnética funcional. Essa técnica nos oferece uma maneira não-invasiva e inofensiva para fazer as medições sem incomodar os cães", afirmou Márta. Segundo ela, com essa tecnologia, a equipe de pesquisadores mediu a atividade cerebral dos cães enquanto eles ouviam a fala de seus donos. Os animais ouviram palavras com diversas combinações de vocabulário e entonação. Os donos foram instruídos a dizer, por exemplo, palavras de aprovação com uma entonação de aprovação, palavras de aprovação com uma entonação neutra, palavras neutras  - como conjunções, sem significado para os cães - com uma entonação de aprovação e palavras neutras com entonação neutra. "Nós procuramos regiões do cérebro que fizessem distinção entre palavras com sentido e sem sentido, ou entre entonações de aprovação e de reprovação", explicou a cientista. As imagens de ativação do cérebro mostraram que os cães preferem usar o hemisfério esquerdo para processar as palavras com sentido, mas não as desprovidas de sentido. A tendência à esquerda estava presente em níveis fracos e fortes de ativação cerebral - e era independente da entonação. Os cães ativaram uma área do hemisfério direito do cérebro para diferenciar a entonação de aprovação e de reprovação. A região coincide com a área do cérebro usada pelos cães para processar sons ligados à emoção, provenientes tanto da fala humana como de outros cães. Segundo os autores, isso sugere que os mecanismos de processamento da entonação não são específicos da fala. Os cientistas também observaram que, nos cães, o centro de recompensas - a região do cérebro que responde a todo tipo de estímulo ligado ao prazer - era ativado pelas palavras de aprovação. "Isso mostra que, para os cães, uma boa palavra de aprovação pode funcionar como uma recompensa. Mas funciona melhor se a palavra também for dita com uma entonação de aprovação. Os cães não apenas processam o que dizemos e como dizemos, mas também combinam as duas coisas para fazer uma interpretação correta do que significam realmente todos aqueles sons. É muito parecido com o que fazem os cérebros humanos", disse Andics. Segundo os autores, o estudo é o primeiro passo para compreender como os cães interpretam o discurso humano e os resultados podem ajudar a tornar mais eficiente a comunicação entre cães e humanos. A pesquisa também traz conclusões sobre os humanos, segundo Andics. "Nosso estudo traz novo conhecimento sobre a emergência das palavras na evolução da linguagem. O que faz as palavras serem uma característica única dos seres humanos não é uma capacidade neural especial, mas a nossa invenção de fazer uso delas", disse o cientista.

USUÁRIOS DO WHATSAPP TÊM ATÉ SETEMBRO PARA DESATIVAR COMPARTILHAMENTO DE DADOS
Alteração nos termos de uso e política de privacidade do WhatsApp vai permitir que dados dos usuários sejam compartilhados com o Facebook. Com a mudança, a empresa visa melhorar a divulgação dos anúncios publicitários de acordo com o perfil do usuário e combater spam. Segundo o WhatsApp, o compartilhamento de informações é comum entre empresas do mesmo grupo. “Como uma filial do Facebook, nos próximos meses começaremos a compartilhar informação que nos permita uma melhor coordenação e, com isso, melhorar a experiência entre os serviços. Essa é uma prática comum para empresas que são adquiridas por outras”, disse o WhatsApp em entrevista ao DW.  Ao aceitar os novos termos de uso, o usuário permite que o Facebook tenha acesso ao número de telefone utilizado na conta do WhatsApp, a frequência de uso e a última hora de conexão. Entretanto, a mudança não é imposta às pessoas. Para quem não deseja ter seus dados compartilhados, basta bloquear a opção até o próximo dia 24 de setembro. Caso você tenha um Android, basta ir em “Configurações”, clicar no item “Conta” e desativar a opção de “Compartilhamento dados da conta”. Para smartphones da Apple, o processo é semelhante. Basta ir em “Ajustes”, localizado na parte inferior, clicar no item “Conta” e desativar a função por meio da opção “Compart. Dados da Minha Conta”.

CINEMA NO BLOG

BOCCACCIO 70 (1962)


FICHA TÉCNICA
Outros Títulos:
Boccace 70 (França)
Kreivittären ansiotyö (Finlândia)
Doktor Antonio megkísérlése (Hungria)
Бокачо '70 (Bulgária) 
Pais:
Itália, França
Gênero:
Comédia, Fantasia, Romance
Direção:
Federico Fellini, Luchino Visconti, Vittorio De Sica, M. Monicelli
Roteiro:
Federico Fellini, Mario Monicelli, Luchino Visconti e outros
Produção:
Carlo Ponti, Tonino Cervi
Design Produção:
Piero Zuffi, Elio Costanzi, M. Garbuglia, Piero Gherardi
Música Original:
Nino Rota, Armando Trovajoli, Piero Umiliani
Fotografia:
Otello Martelli, Giuseppe Rotunno, Armando Nannuzzi
Edição:
Adriana Novelli, Mario Serandrei, Leo Cattozzo
Figurino:
Piero Tosi, Piero Zuffi

ELENCO
Germano Gilioli
Renzo, em "Renzo e Luciana"
Marisa Solinas
Luciana, em "Renzo e Luciana"
Suso Cecchi D'Amico
em "Renzo e Luciana"
Anita Ekberg
Anita, em "As tentações do Dr. Antônio"
Peppino De Filippo
Dr. Antonio Mazzuolo, em "As tentações do Dr. Antônio"
Antonio Acqua
Comendador La Pappa, em "As tentações do Dr. Antônio"
Silvio Bagolini
Secretário do Monsenhor, em "As tentações do Dr. Antônio"
Donatella Della Nora
Donatella, em "As tentações do Dr. Antônio"
Valerio Fioravanti
Criança, em "As tentações do Dr. Antônio"
Giacomo Furia
Operário, em "As tentações do Dr. Antônio"
Dante Maggio
Capataz, em "As tentações do Dr. Antônio"
Franco Magno
Secretário de La Pappa, em "As tentações do Dr. Antônio"
Mario Passante
Sacristão, em "As tentações do Dr. Antônio"
Amerigo Santarelli
Trabalhador, em "As tentações do Dr. Antônio"
Alberto Sorrentino
Trabalhador, em "As tentações do Dr. Antônio"
Romy Schneider
Pupe, em "O Trabalho"
Tomas Milian
Conde Ottavio, em "O Trabalho"
Romolo Valli
Advogado Zacchi, em "O Trabalho"
Amedeo Girardi
em "O Trabalho"
Paolo Stoppa
em "O Trabalho"
Sophia Loren
Zoe, em "A Rifa"
Luigi Giuliani
Gaetano, em "A Rifa"
Alfio Vita
Cuspet, em "A Rifa"
Nando Angelini
Homem com uma garrafa, em "A Rifa"

INDICAÇÕES
Sindicato dos Jornalistas Críticos de Cinema, Itália:
Prêmio Fita de Prata de Melhor Design de Produção (Mario Garbuglia)

VIDEOCLIPES

SINOPSE

1º EPISÓDIO: RENZO E LUCIANA   (MARIO MONICELLI)
Renzo e Luciana trabalham numa Fábrica de Biscoitos, em Departamentos diferentes: enquanto ele passa o dia na rua fazendo entregas, ela é uma escriturária do setor de Contabilidade.  Namorados, escondem essa condição com receio de perderem seus empregos, já que a Empresa não permite a existência de casais em seus quadros. Certo dia, os dois aproveitam a hora do almoço para se casarem numa pequena igreja, onde se acham presentes apenas familiares e dois ou três amigos.  Embora façam economia, pensando no futuro, seus salários não lhes permitem ter sua própria casa, de modo que o casal passa a morar no pequeno apartamento dos pais dela.  A situação fica mais preocupante, quando Luciana desconfia que se acha grávida, pois, fatalmente, seu estado será descoberto pela Empresa. Num domingo, quando decidem passar o dia num parque aquático, Luciana encontra-se com seu chefe, que se mostra atraído por ela, tendo dificuldades de se livrar do mesmo. Na semana seguinte, ao descobrir que não se acha grávida, ela encontra-se com o marido, no ambiente de trabalho, conta-lhe a boa notícia e os dois se abraçam, felizes.  Tal cena é vista por seu chefe que, ato contínuo, providencia a demissão de Renzo. Pensando que, se ela também for demitida, a indenização dos dois lhes permitirá a compra de uma pequeno imóvel num conjunto habitacional, Luciana decide abrir o jogo. Seu plano dá certo e, em pouco tempo, os dois conseguem a casa com que tanto sonhavam.  O único problema do casal é que, com seus novos empregos, quase não se vêem, pois Renzo passa a noite fora como guarda-noturno.


2º EPISÓDIO: AS TENTAÇÕES DO DR. ANTONIO   (FEDERICO FELLINI)

Em Roma, o Dr. Augusto Mazzuolo é um homem de meia-idade que vê o mal em tudo. À noite, costuma sair para flagrar casais de namorados aos beijos em seus carros, ocasião em que os chama de pecadores pervertidos.  No teatro de variedades, certa vez, tentou acabar o espetáculo à força, por achar que as vedetes estavam usando pouca roupa. Quando instalam, próximo à sua casa, um gigantesco outdoor apresentando a bela e sensual atriz, Anita Ekberg, conclamando todos a beberem mais leite, ele o acha altamente ofensivo à moral, de modo que faz de tudo para que o mesmo seja dali removido, apelando inclusive para as autoridades.  Da janela de sua casa, entretanto, não se cansa de olhar para o tal cartaz através de um binóculo. Ele se torna tão obsessivo em relação ao outdoor que, certo dia, ao passar pelo local, ouve uma voz chamando-o, ocasião em que vê aquela imensa figura ganhar vida e vir em sua direção.  De repente, ele se sente por ela apanhado e colocado sobre seu busto. Sua obsessão torna-se cada vez mais séria até que os bombeiros e uma ambulância são chamados para retirá-lo do alto do imenso outdoor.


3º EPISÓDIO: O TRABALHO   (LUCHINO VISCONTI)

O conde Ottavio, um nobre empobrecido, é casado com a bela Pupe, austríaca, filha de um homem extremamente rico.  Aproveitando as gordas contas bancárias, mantidas pelo sogro, Ottavio leva uma vida de playboy envolvendo-se com várias mulheres. Quando os tablóides publicam, em suas 1as páginas, fotografias dele em situações comprometedoras com diversas garotas de programa, ele se vê às voltas com um enorme escândalo.  Sua mulher desaparece, enquanto seu sogro bloqueia suas contas bancárias.  Preocupado, seu advogado convoca as três maiores autoridades em direito civil, de Milão, para discutirem a melhor solução de lidarem com o problema. No dia seguinte, a condessa volta para casa e, ao ser perguntada por Ottavio onde se encontrava, entre outras coisas ela responde que estivera com várias das garotas de programa envolvidas no escândalo, tais como, Mirella e Lili, bem como, com a cafetina Imola.  Diz ainda que, com elas, soube que ele fora para a cama onze vezes, cada uma ao custo de 700.000 liras, 400.000 liras pagas à garota e 300.000 à cafetina.  Na ocasião, ela ainda comenta que, considerando o tempo de casados, ao peço de 400.000 liras por ele pago a cada garota de programa, ele lhe deve 600 milhões de liras. À noite, Pupe informa ao marido que acaba de fazer uma aposta milionária com o pai, segundo a qual ela garante que vai conseguir um emprego.  Ainda não resolveu se será uma modelo ou se trabalhará num antiquário.  Entretanto, logo depois, quando ele a procura para ir para a cama, ela concorda desde que, adiantadamente, ele lhe pague 400.000 liras.  Enquanto Ottavio vai ao escritório pegar o talão de cheques, Pupe telefona para o pai para lhe dizer que ganhou a aposta, pois já conseguiu um emprego.


4º EPISÓDIO: A RIFA   (VITTORIO DE SICA)

Numa pequena cidade italiana, Zoe é uma bela e sensual mulher que tem um stand de tiro ao alvo num Parque de Diversões.  Não sendo rica, quando sua irmã fica grávida, ela tem a idéia de fazer uma rifa para ajudá-la nas despesas, na qual ela será o prêmio. Conhecida por seu corpo escultural, os homens do local brigam para conseguirem comprar o maior número de bilhetes possível. No dia do sorteio, um grande número deles se reúne num Bar para acompanharem, pela televisão, o resultado da extração da Loteria.  Depois de uma longa espera, finalmente é sorteado o bilhete nº 68.  Nenhum dos presentes o possui.  Procurando o cunhado de Zoe, responsável pela venda dos bilhetes, tomam conhecimento que o vencedor foi Cuspet, sacristão da Paróquia local. Eles vão à procura do felizardo e o encontram carregando um andor numa procissão que percorre as ruas da pequena cidade.  Começa, então, um verdadeiro leilão onde, cada um dá um preço pelo bilhete premiado.  Cuspet não aceita as ofertas recebidas e se dirige ao trailer onde Zoe vive. Sem nunca ter tido um momento íntimo com uma mulher, o sacristão entra no trailer onde, tímido, não se aproxima daquele mulherão.  É quando Gaetano, um jovem apaixonado por Zoe, dá partida no veículo e se dirige em alta velocidade até uma praia deserta.  Os homens, que assistiam a tudo, seguem em carreata atrás do trailer.  Em seu interior, Zoe e Cuspet são jogados contra as paredes pelos solavancos do veículo em movimento.  Uma vez na praia, Zoe convence Cuspet a aceitar o dinheiro apurado na rifa e não ir para a cama com ela.  O ingênuo sacristão termina concordando com sua proposta, mas lhe pede um beijo a fim de que a marca de batom o livre de ser ridicularizado pelos homens que os seguiram.  Dessa forma, ele deixa o trailer e é levado como herói em carreata de volta à cidade.

COMENTÁRIOS
Inspirado em quatro contos do clássico "Decameron", de Giulianno Boccaccio, que datam do século XII, "Boccaccio 70" reúne quatro grandes cineastas italianos, Mario Monicelli, Federico Fellini, Luchino Visconti e Vittorio De Sica, cada um responsável por um dos episódios do filme. O trabalho, como um todo, é ótimo, apresentando momentos inesquecíveis, muito embora não possa afirmar que algum dos episódios esteja incluído entre as melhores obras de seu realizador.  Cada segmento tem a duração aproximada de 50 minutos e eu os classificaria na seguinte ordem: Em 1º lugar, viria "O Trabalho", de Visconti, seguido de "As Tentações do Dr. Antonio", de Fellini, "A Rifa", de De Sica, e finalmente, "Renzo e Luciana", de Monicelli.  Em 1963, quando assisti a esse filme pela primeira vez, só existiam os três episódios, já que o último havia sido cortado para reduzir o tempo de projeção.  Agora, ao revê-lo em DVD, pude conhecer o episódio dirigido por Monicelli. Com uma bela trilha sonora, "Boccaccio 70" apresenta ainda magníficas atuações de Peppino De Filippo, Romy Schneider e Sophia Loren.  Anita Ekberg, que ganhou projeção internacional por seu trabalho em " A Doce Vida", aparece apenas por alguns minutos.  Na maior parte do episódio, ela é vista apenas no gigantesco outdoor.  Finalmente, estreando no cinema, Marisa Solinas nos brinda com um bom trabalho. 

por Carlos Augusto de Araújo

TURISMO NO BLOG

CEARÁ GANHA UM NOVO ROTEIRO: A ROTA DAS DUNAS E FALÉSIAS 
Percorrendo algumas das praias mais bonitas do estado, a iniciativa tem a parceria da CVC e Gol Linhas Aéreas
Unir esforços para ganhar em competitividade e sustentabilidade: este é o desafio da Rota das Dunas e Falésias, destino formado por atrativos turísticos como as praias do Porto das Dunas, Prainha, Águas Belas, Morro Branco, Praia das Fontes, Pontal de Maceió, Canoa Quebrada, Redonda e Peroba. O roteiro oferece condições ideais para a prática de esportes náuticos como windsurf e kitesurf. Atentos à possibilidade de aproveitar melhor todo o potencial da região, o Sebrae e empresários locais, em parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo (Setur) e outros parceiros, uniram esforços para estruturar um roteiro integrado. A ideia é propiciar a elevação do fluxo de turistas, garantir uma maior permanência e estimular o aumento do gasto médio dos visitantes, beneficiando, principalmente, os micros e pequenos empreendimentos da cadeia produtiva do turismo. O projeto acabou ganhando a parceria da CVC Viagens e Turismo, que está incluindo o roteiro no seu portfólio de atrações. Também recebeu o apoio da Gol Linhas Aéreas na ação de divulgação da nova rota, que compreende 215 km de litoral e 35 praias. A Secretaria de Turismo de Fortaleza (Setfor), por sua vez, inseriu a Rota das Dunas e Falésias no Projeto Fortour, que tem ações de promoção e divulgação de Fortaleza, porta de entrada do novo destino. Para viabilizar o novo roteiro, a Secretaria de Turismo de Fortaleza (Setfor) tem levado agentes e operadores de viagem para conhecer os municípios que integram o roteiro. Além disso, por meio do Fortour, os profissionais realizaram visitas técnicas aos empreendimentos dos municípios que fazem parte do roteiro. Já ao Sebrae/CE coube o trabalho de estruturação do roteiro, a partir da realização da análise de todos os equipamentos e atrativos que compõe o destino, ações de acesso ao mercado e criação de um comitê gestor, formado por empresários da região. Além disso, a instituição vem desenvolvendo várias iniciativas visando à qualificação de produtos e serviços em estabelecimentos de hospedagem e alimentação fora do lar que integram a rota. Ao todo, existem mais de 600 estabelecimentos, entre hotéis e restaurantes, no território da rota. O setor de hotelaria, com 203 empreendimentos, oferece cerca de 12.300 leitos, distribuídos entre pequenas pousadas, grandes resorts e hotéis de luxo. A rede de restaurantes, barracas de praias e demais serviços de alimentação conta com cerca de 300 estabelecimentos, capazes de oferecer ao turista uma culinária variada, da regional até a internacional.
MUNICÍPIO A MUNICÍPIO
O novo roteiro foi pensado para durar de oito a dez dias, podendo ser percorrido de ônibus, carro, 4x4, buggy e até de bicicleta. Com essas características, pretende atrair interessados em eventos de negócios, história, gastronomia e atividades esportivas. Saindo de Fortaleza, porta de entrada, a primeira parada é Eusébio, hoje um importante pólo gastronômico. Depois vem Aquiraz, distante 32,3 km de Fortaleza, com um rico centro histórico. Em Pindoretama, o visitante vai encontrar engenhos históricos de cana de açúcar ainda preservados. Já Cascavel, a 80 km da capital, possui a Central de Artesanato e a Praia de Águas Belas, cortada pelo Rio Mal Cozinhado, que deságua no mar. Com a maré baixa, a faixa de areia fica cheia de pequenas e convidativas ilhas. Em Beberibe, os atrativos são a praia de Morro Branco - onde se localiza o Monumento Natural das Falésias – e a Praia das Fontes. Ali, o que chama a atenção é a diversidade de coloração das areias. No Fortim, que fica à margem do rio Jaguaribe – o maior rio do estado - o visitante encontra um verdadeiro paraíso ecológico, com mangues, rica vegetação, aves, mariscos e moluscos. O encontro do rio com o mar forma um ambiente natural deslumbrante. O próximo destino é a cidade de Aracati, que conta com um patrimônio cultural composto por edificações do século XVIII, como igrejas, casa de câmara, cadeia, museus, biblioteca pública e residências que ainda guardam nas fachadas, com seus azulejos da época colonial, a herança da colonização portuguesa. Outra grande atração do município é a praia de Canoa Quebrada, conhecida internacionalmente pelo clima de alto astral que transmite a todos os visitantes. A última parada éIcapuí, que fica a 200 km de Fortaleza e é a terra da lagosta. Os principais passeios se destinam às praias de Ponta Grossa, Redonda e Tremembé. Durante o roteiro, é possível fazer passeios de buggy e jangada, além de tours panorâmicos.
PARCERIA CVC - GOL
O novo roteiro da Rota das Dunas e Falésias já nasce com o apoio da CVC, a maior empresa de turismo do país, e da GOL Linhas Aéreas. No caso específico da CVC, um roteiro já foi preparado para vender a rota em todo o país. Apostando num roteiro de 10 dias e nove noites, Claiton Armelin, diretor nacional de produtos da empresa, explicou que a CVC já está divulgando a nova rota, inclusive tendo desenvolvido uma folheteria específica. Com saída de Fortaleza, o roteiro deve custar R$ 1.690,00, parcelados em dez prestações de R$ 169,00. Armelin explica que os visitantes passarão dois dias em Fortaleza, seguindo, depois, para o Porto das Dunas, Águas Belas, Morro Branco, Praia das Fontes, Uruaú e Canoa Quebrada. Em 2015, a CVC trouxe 266 mil turistas ao Ceará, e a expectativa é de crescimento, já que a ideia é garantir a vinda de pelo menos quatro mil visitantes à Rota das Falésias e Dunas até o final do ano. A expectativa de crescimento é compartilhada pela Gol, que já tem 18 voos diários passando por Fortaleza e, com o novo roteiro, aposta num fluxo ainda maior.
OS NÚMEROS DO ROTEIRO
• 600 hotéis, restaurantes e pousadas
• 12.140 leitos disponíveis
• 37.163 assentos em bares, barracas e restaurantes
• 46 associações, congregando 1.444 membros, entre bugueiros, taxistas e artesãos 


CIRCULA NA INTERNET

ESCULTURAS DE ANIMAIS FEITAS DE LIXOvisto americano
O mexicano Alejandro Duran faz arte reciclando lixo. São esculturas de animais impressionantes criadas com resíduos encontrados em rios e praias. Além de mostrar o seu trabalho super-detalhado, o artista também chama a atenção para os abusos que, infelizmente, ainda são frequentes. O lixo se acumula nas margens dos rios e em praias ao redor do planeta. Especialmente as partículas de plásticos, que permanecem quase infinitamente na água. Ao observar as esculturas você pode imaginar o quanto de lixo flutuante existe. Alejandro mostra em seu projeto alguns animais que sofrem com toda essa poluição. Confira:

IMAGEM DO DIA

Uma bela imagem na Ponta do Tubarão na região de Macau - RN - Brasil.

PIADA DO BLOG

BRIGA DE VIZINHOS
O garoto apanhou da vizinha, e a mãe furiosa foi tomar satisfação:
- Por que a senhora bateu no meu filho?
E a vizinha respondeu:
- Ele foi mal-educado, e me chamou de gorda.
A mãe do garoto replicou:
- A senhora acha que vai emagrecer batendo nele?

TEXTO DO BLOG

COMEÇOU A TEMPORADA
por Luiz Soares das Terras Nordestinas*

Como entrar num jogo sem saber, ao menos o que caracteriza cada uma das peças dispostas no tabuleiro do embate?
Político ou estadista é quem se ocupa da política. Segundo Sócrates é um homem público que lida com a chamada “coisa pública”. É filiado a um partido ou “ideologia” filosófica de conduta. Política é uma arte ou ciência da organização, direção e administração de entidades governamentais; e finalmente a famigerada Politicagem, qual seja a política de interesses pessoais, de troca de favores, ou de realizações insignificantes.
Tenho praticamente três estadistas, quando o assunto é Política. No Brasil Juscelino Kubitschek, nos Estados Unidos Abraão Lincoln e John Fitzgerald Kennedy. Sem referência, nos perdemos na mediocridade da politicagem. Foram homens com conceitos e objetivos focados no desenvolvimento amplo e irrestrito do país, moldados no bem estar e na responsabilidade civil. Sem dúvidas, a base que os fizeram entrar para a história, foi construída na dualidade dos Direitos e dos Deveres, tendo como entes principais, o estado e o cidadão.
No decorrer dos tempos, desvios e graves desvirtuamentos ocupam a plataforma de muitos homens e mulheres, que “desejam” adentrar neste segmento constitucional. Primeiro usam da comparação no sentido pejorativo, atacando quem se propõe como concorrente. Buscam “defeitos” como forma de enaltecerem as suas inúteis qualidades, principalmente para aqueles que assim o desejam pela primeira vez. Também existem aqueles que se colocam à sombra de alguém que se projetou e tentam levar vantagem.
O homem é naturalmente um animal político. Assuntando o termo “animal” facilmente nos deparamos para com os feitos das suas ações e reações. Para agir é preciso ter coerência, conhecimento, saber, respeito, ética e honestidade, como atributos pessoais. Quanto à reação seria a consequência da ação que atende aos interesses do coletivo, como a prosperidade, a segurança e oportunidade emancipativa, que dignifica a cidadania.
Em assim sendo, se torna inútil o termo oligarquia, no sentido especifico e amplo da palavra. Estar na politica representa ter uma identidade, ter uma razão própria e específica, ter uma vocação da satisfação e não querer se perpetuar, sem demonstrar tais qualidades. Ora, convenhamos à ditadura é uma oligarquia imposta pela força.
É bom nunca esquecer que politico, politica e politicagem são apenas termos, quando sabemos e temos consciência de que, quem elege é o POVO. O voto não tem apenas um referencial da forma ou do modo, do interesse, do amor, do reconhecimento, do fanatismo e do radicalismo que o eleitor valoriza e reconhece, no ato de votar. Por isso mesmo existe o ditado: Cada povo tem o governo que merece!
Portanto, sejamos os Atores e nunca, os Vassalos!

(*) Luis Soares é Engenheiro Agrônomo, produtor de frutas irrigadas, no município de Baraúna, Rio Grande do Norte, e Professor aposentado da Universidade Federal Rural do Semiárido-UFERSA.

INDICADORES DO BLOG

BOVESPA
A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou praticamente estável na terça-feira (30), com o mercado financeiro aguardando o desfecho do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff. O principal índice de ações da bolsa, o Ibovespa caiu 0,06%, aos 58.575 pontos, após ter subido 1,55% na véspera.  

ÍNDICES DA BM&FBOVESPA
ÍNDICE
VARIAÇÃO (%)
MÁXIMO (PTS)
MÍNIMO (PTS)
VARIAÇÃO (PTS)
TOTAL (PTS)
Ibovespa
-0,06%
58.881,63
58.292,87
-34,97
58.575,42
IBX
-0,02%
24.401,38
24.167,79
-5,25
24.293,59
IBX50
-0,04%
9.864,74
9.766,21
-3,92
9.815,42
IEE
-0,51%
37.514,26
37.030,80
-190,25
37.202,21
IGCX
-0,07%
9.063,39
8.995,65
-6,03
9.037,57
INDX
+0,25%
12.803,60
12.710,08
+32,45
12.784,91
ISE
+0,08%
2.511,71
2.495,37
+1,93
2.508,46
IVBX
-0,35%
8.863,77
8.790,01
-30,80
8.820,44
30/08/2016 18h30 | Thomson Reuters                         

MOEDAS
MOEDA
COMPRA (R$)
VENDA (R$)
VAR (%)
Dólar Comercial
3,2412
3,2427
+0,32%
Euro
3,6051
3,6088
-0,22%
Libra
4,2333
4,2363
+0,05%
Peso Argentino
0,2153
0,2159
+0,75%
30/08/2016 18h27 | Thomson Reuters 

INFLAÇÃO
ÍNDICE
MÊS
VALOR
IPCA       
Jul.16
+0,52%
IPC-Fipe
Jul 16
+0,35%
IGP-M
Jul.16
+0,18%
INPC
Jul.16
+0,64%
10/08/2016 17h57 | Thomson Reuters 

JUROS E POUPANÇA
ÍNDICE
VARIAÇÃO (%)
Selic (ano)
14,25%
CDI (ano)
10,80%
TJLP - Taxa de juros de longo prazo (trimestre)
7,50%
TR - Taxa referencial (mês)
0,2187%
Poupança (mês)
0,659%
30/08/2016 18h27 | Thomson Reuters
  
COMMODITIES
ÍNDICE
VARIAÇÃO (%)
VARIAÇÃO (PTS)
COTAÇÃO (US$)
Prata
-1,32%
-0,25
18,59
Platina
-2,05%
-22,00
1.052,00
Petróleo WTI
+1,07%
+1,01
95,25
Ouro
-0,89%
-11,82
1.311,19
Petróleo Brent
-1,40%
-0,59
41,55
Paládio
-2,84%
-19,78
676,22

30/08/2016 18h27 | Thomson Reuters

terça-feira, 30 de agosto de 2016

CITAÇÃO DO DIA

“Assim como o médico não deixa ver nada das suas apreensões ao seu paciente, da mesma forma o advogado mostra sempre uma fisionomia cheia de esperança ao seu cliente. É um desses casos raros em que a mentira se torna virtude.”  (HONORÉ DE BALZAC)

CHARGE DO DIA


RAPIDINHAS DO BLOG...

CONTA DE LUZ CONTINUARÁ SEM COBRANÇA EXTRA EM SETEMBRO
A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou que a bandeira tarifária permanecerá na cor verde em setembro. Isso significa que não haverá cobrança extra nas contas de luz pelo uso de termelétricas. Desde abril a bandeira tarifária está na cor verde. O mês de setembro será o sexto consecutivo sem a cobrança extra na conta de luz. A manutenção da bandeira verde se deve, segundo a Aneel, à evolução positiva do período úmido de 2016, que recompõe os reservatórios das hidrelétricas; o aumento de energia disponível com redução de demanda; e a adição de novas usinas ao sistema elétrico brasileiro. Para o diretor-geral do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Luiz Eduardo Barata, o nível dos reservatórios aponta que a bandeira verde deverá ser mantida até o final do ano. "Acho que vamos ficar com a verde até o fim, até porque em outubro e novembro começa a chover. Além disso, no período seco está chovendo. Ou seja, o balanço da carga de geração permite dizer que não será necessário gerar tanta térmica", disse Barata a jornalistas no Rio se Janeiro, segundo informa a agência Reuters.
ENTENDA O SISTEMA
O sistema de bandeiras tarifárias começou a valer em janeiro de 2015. O mecanismo foi criado para permitir a arrecadação imediata de recursos para cobrir gastos extras com o aumento do uso de eletricidade produzida pelas termelétricas. A energia de termelétricas custa mais caro que a das hidrelétricas porque é produzida pela queima de combustíveis, como óleo e gás natural. Entre o final de 2012 e o início de 2016, foi preciso aumentar o uso das termelétricas no Brasil por conta da falta de chuvas, que deixou os reservatórios das hidrelétricas nos níveis mais baixos em anos. O sistema hoje tem três patamares, representados pelas bandeiras verde, amarela e vermelha. Na verde, não há custo adicional e, portanto, os consumidores não pagam nada a mais. A amarela significa que houve algum aumento no custo para gerar energia e, a vermelha, que esse custo de produção está muito alto. Se ela for amarela, o adicional é de R$ 1,50 a cada 100 kWh (quilowatt-hora) consumidos. Já na bandeira vermelha há 2 patamares. No patamar 1, o adicional é de R$ 3 aplicados a cada 100 kWh (quilowatt-hora) consumidos. No patamar 2, a cobrança extra é de R$ 4,50 a cada 100 kWh (quilowatt-hora).

CONHEÇA O BIOCONCRETO, MATERIAL QUE FECHA AS PRÓPRIAS RACHADURAS
O concreto é o material mais consumido do mundo, atrás apenas da água, segundo o Conselho Empresarial Mundial para o Desenvolvimento Sustentável. A ideia soa tão atraente quanto a ficção científica: edifícios que fecham suas próprias rachaduras, como seres vivos curando suas feridas. Para o cientista holandês Henk Jonkers, não se trata de um projeto fantástico, mas uma realidade muito concreta - literalmente. Pesquisadores da Universidade Técnica de Delft, na Holanda, desenvolveram o que chamaram de bioconcreto, um material literalmente vivo e capaz de regenerar construções desgastadas. "Nosso concreto vai revolucionar a maneira como construímos, pois nos inspiramos na natureza", disse Jonkers, por ocasião de receber o prêmio de melhor europeu inventor em 2015. Mais do que inspirado na natureza, o bioconcreto é feito dela. É que as propriedades extraordinárias domaterial se devem à presença de bactérias.
DURAS DE MATAR
Para preparar o bioconcreto, os cientistas misturam concreto tradicional com colônias da bactéria Bacillus pseudofirmus, que em seu estado natural pode habitar ambientes tão hostis quando crateras de vulcões ativos. "O surpreendente é que essas bactérias formam esporos e podem sobreviver por mais de 200 anos nos edifícios", diz Jonkers. A essa mistura acrescenta-se lactato de cálcio - alimento das bactérias - e o material está pronto. Quando aparecem fissuras nos edifícios construídos de bioconcreto, as bactérias que aí habitam ficam expostas aos elementos físicos, principalmente água. A umidade que penetra nas fissuras "acorda" os microorganismos, que começam a consumir lactato de cálcio e, como produto final da digestão, produzem calcário. O calcário repara as rachaduras no bioconcreto em apenas três semanas.
ECONOMIA DE CUSTO
"Não há limite para a extensão da rachadura que o nosso material pode reparar. Pode ser de centímetros a quilômetros", diz Henk Jonkers. Para a rachadura em si, no entanto, há um limite: a fissura não pode ser mais larga que 8 milímetros. Ainda assim, o bioconcreto pode economizar bilhões de dólares na manutenção de estruturas como paredes de edifícios, pontes ou barragens. Segundo a HealCon, organização que pretende promover o uso de novo material, só na Europa são gastos anualmente US $ 6,8 bilhões (mais de R$ 22 bilhões) para reparar edifícios enfraquecidos. "Apesar de ser mais caro que o concreto tradicional, o benefício econômico é perceptível, pois economiza em custos de manutenção", disse o cientista ao jornal britânico The Guardian. Henk Jonkers afirma que o material já foi empregado na construção de canais de irrigação no Equador, país altamente sísmico. O material também seria uma esperança para prédios antigos e cheios de rachadura, susceptíveis a colapsar mesmo com tremores de terra leves. A técnica forma a base de um spray, também desenvolvido pela Universidade Técnica de Delft, que usa os mesmos princípios e pode ser aplicado diretamente sobre pequenas rachaduras.
TESTE DO MERCADO
Mas apesar da visão tentadora de edifícios capazes de se autorreparar, o bioconcreto ainda precisa superar o teste mais duro de todos: do mercado. O custo do novo produto poderia elevar demasiadamente o valor de grandes projetos de infraestrutura. Segundo o Guardian, enquanto o metro cúbico de concreto tradicional custa pouco menos de US$ 80 (R$ 260), o novo material passaria dos US$ 110 (R$ 360) - um acréscimo de quase 40%. Para ser bem sucedido, essa conta é agora a principal lacuna que o bioconcreto deve fechar.

POR QUE O WHATSAPP ESTÁ DANDO O SEU TELEFONE PARA O FACEBOOK
O Whatsapp anunciou que irá compartilhar os números de telefone de seus usuários com o Facebook e que permitirá o envio de mensagens por empresas. É a primeira vez que a empresa altera sua política de privacidade desde que foi comprada pelo Facebook em 2014. MAS QUAIS SÃO AS CONSEQUÊNCIAS DA MEDIDA?
Em primeiro lugar, você poderá passar a receber sugestões de contatos "mais relevantes".
Mas também mais anúncios. Não é improvável, afirmam alguns analistas, que usuários se sintam "traídos" pela mudança. "Quando o Whatsapp foi comprado pelo Facebook, garantiu que permaneceria como um serviço independente", afirma Pamela Clark-Diskson, da consultoria em tecnologia Ovum. "Agora está dando os números de telefone ao Facebook. Alguns usuários poderiam dizer que se trata de abuso de confiança. De certa maneira, a empresa voltou atrás sobre algo que havia dito que não faria."
AMIZADES "RELEVANTES"
A justificativa do Whatsapp para sua nova política de privacidade é que compartilhar telefones de usuários com o Facebook servirá para bloquear mensagens indesejadas (spam) e controlar abusos. A empresa disse ainda que oferecerá "melhores sugestões de amizade e propagandas mais relevantes". Isso porque o Facebook, ao dispor desses dados, será capaz de aproximar pessoas que já trocaram números de telefone mas ainda não são "amigos" na rede social. O Whatsapp também compartilhará dados sobre últimos acessos ao serviço. Mas garantiu que não disponibilizará o conteúdo de mensagens enviadas, que é cifrado. "Suas mensagens criptopgrafadas continuam sendo privadas e ninguém mais poderá lê-las. Nem o Whatsapp, nem o Facebook nem ninguém mais", afirmou a empresa em seu blog.
PUBLICIDADE
O Whatsapp também anunciou que seus usuários poderão optar por não compartilhar dados com o Facebook para fins de receber publicidade. Para isso é preciso seguir alguns passos simples. No entanto, a empresa disse que, mesmo no caso em que os usuários do Whatsapp optem por não ter seu número de telefone compartilhado com o Facebook, "a família de empresas do Facebook (que inclui outros serviços, incluindo Instagram) ainda receberá e usará essa informação para outras finalidades".
MENSAGENS COMERCIAIS
A nova política do Whatsapp abre caminho a empresas interessadas em enviar mensagens aos usuários. Segundo a empresa, anunciantes que transmitem mensagens por meio de SMS — como alertas de companhias aéreas ou atualizações sobre sua conta bancária— poderão fazê-lo por meio do aplicativo. Mas além de informação sobre datas ou notificações de entrega, o Whastapp também autorizará mensagens de marketing. "As mensagens que você poderá receber com conteúdo comercial podem incluir uma oferta ou algo que possa ser de seu interesse", explicou a companhia. Para a consultora Clark-Dickson, usuários poderão concordar com o envio caso as mensagens sejam úteis. "Mas o Whatsapp deve ser cuidadoso. Muitas pessoas não gostam de receber publicidade". De qualquer maneira, a empresa disse que irá testar as novas funções nos próximos meses, mas prometeu evitar a "experiência spam" e impedir que empresas inundem seus usuários com anúncios.