Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

RAPIDINHAS DO BLOG...

MONTADORAS MUDAM DISCURSO E PEDEM MEDIDAS DE LONGO PRAZO
A Anfavea (associação nacional das fabricantes de veículos) afina seu novo discurso. Sempre ponderada em seus posicionamentos políticos, quer demonstrar total apoio à gestão Michel Temer na Presidência, vista como "a hora da virada", segundo Antonio Megale, presidente da entidade. Alinhar-se a governos é praxe no setor. Mesmo nos períodos mais difíceis do segundo governo Dilma Rousseff, quando o estoque de carros era suficiente para quase dois meses de venda (o ideal é ter reserva para 30 dias), não se ouviam críticas públicas à gestão, mas se atribuía culpa à falta de confiança reinante. A novidade é o que a indústria automotiva espera receber agora. Subsídios ou incenti- vos pontuais, como a sequência de reduções de impos- tos que garantiu recordes de venda e rentabilidade entre 2003 e 2013, estão fora da pauta. A Anfavea sabe que repetir medidas desse tipo atrasaria qualquer rascunho de reforma tributária, fundamental para o fortalecimento do setor. As montadoras querem uma política industrial de longo prazo, algo como dez anos, e etapas bem definidas. Seria um desdobramento do programa Inovar-Auto, mas com alguns ajustes nas metas. Outro ponto em questão é a mudança na legislação trabalhista. A associação não ousa falar em terceirizações em larga escala no chão de fábrica, mas propõe alternativas como os contratos de serviços especializados. O objetivo é reduzir gastos e também a insegurança jurídica das montadoras no que diz respeito às relações de trabalho em contratos temporários, que não raro terminam na Justiça. As conversas com o governo incluem ainda novos incentivos às exportações por meio de acordos comerciais. O ministro José Serra (Relações Exteriores) foi um dos primeiros a receber representantes das montadoras. Os próximos passos são sentar à mesa com Michel Temer e se aproximar de parlamentares na tentativa de aprovar medidas polêmicas, como as que mexem nas relações de trabalho.
DESEMPENHO DAS MONTADORAS
Produção de veículos -24,7%
Venda de veículos leves -24,4%
Venda de caminhões -30,9%
Emprego no setor -6,6%
Exportações (em unidades) +20%

ASTRONAUTA JEFF WILLIAMS BATE RECORDE DOS EUA COM 534 DIAS EM ÓRBITA
A Nasa (agência espacial americana) informou que um astronauta americano e dois cosmonautas russos regressaram na semana passada à Terra, depois de passar seis meses em missão a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês). Com essa missão, Jeff Williams, 58, se tornou o americano com mais tempo no espaço, superando o compatriota Scott Kelly. Depois de assistir a mais de 2.750 nascer do sol do alto da Terra, o astronauta da Nasa Jeff Williams e seus colegas russos Alexey Ovchinin e Oleg Skripochk ficaram 172 dias no espaço onde foram membros da Expedição 47 e 48. Eles pousaram por volta das 7h13 local (22h13 horário de Brasília) em uma manhã sem nuvens e com sol nas estepes do Cazaquistão, Ásia Central, a bordo de uma capsula Soyuz. Jeff Williams retornou como recordista dos EUA com mais tempo em órbita, registrando 534 dias no espaço ao longo de quatro missões. Coronel da reserva, Williams bateu o recorde de permanência no espaço do seu compatriota Scott Kelly, de 520 dias em órbita. Kelly se aposentou no dia 1° de abril, depois de concluir uma carreira de 20 anos na Nasa. O recorde geral de permanência no espaço é do russo Gennady Padalka, com 879 dias. Williams, Alexey Ovchinin e Oleg Skripochka registraram 72,8 milhões de milhas no espaço, circulando o globo 2.752 vezes antes de pousar no alvo nas estepes centrais sul do Cazaquistão apenas 23 minutos após o nascer do sol. "Touchdown! Bem-vindos à casa @Astro_Jeff, oficialmente de regresso à Terra após 172 dias de missão e um total de 534 dias em 4 missões", celebrou a Nasa em uma conta no Twitter. Sorrindo e com um boné de beisebol preto, Williams falou em um telefone por satélite logo após o pouso. Williams realizou cinco saídas ao espaço para instalar um adaptador de atracamento para as futuras capsulas da Boeing e SpaceX. Ovchinin segurava uma boneca dada por sua filha como uma mascote. Eles foram encaminhados para um posto médico para realizar exames de rotina. Eles desembarcaram graças a um grande paraquedas laranja e branco e os últimos disparos do segundo motor.

MASTERCARD E PAYPAL FIRMAM ACORDO PARA PAGAMENTOS EM LOJAS
A MasterCard informou que expandiu seu acordo com a processadora de pagamentos PayPal Holdings, o que permitirá que clientes usem os sistemas de pagamentos da PayPayl em lojas. A parceria da PayPal segue um acordo similar com a maior rival da MasterCard, a Visa, em julho, com a empresa procurando expandir sua rede de pagamentos. A PayPal permitirá que usuários selecionem um cartão de débito ou crédito como método de pagamento padrão e compartilhem dados de transações feitas por meio da ferramenta toque e pague da MasterCard. Ela permite que os consumidores aproximem um cartão ou celular em um leitor para pagar, disseram as empresas em comunicado. Como parte do acordo, a MasterCard permitirá que usuários da PayPal saquem dinheiro de suas contas usando cartão de débito e também dispensem a taxa de carteira digital que atualmente cobra da PayPal. As duas empresas têm atualmente uma parceria de cartões de crédito para consumidores nos Estados Unidos e em Porto Rico.  

Nenhum comentário: