Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

terça-feira, 27 de setembro de 2016

BIOGRAFIA DE CELEBRIDADES

BIOGRAFIA DE ADHEMAR FERREIRA DA SILVA
Adhemar Ferreira da Silva (1927-2001) foi um atleta paulista, o primeiro bicampeão olímpico, em salto triplo do país. Sua primeira competição foi o Troféu Brasil, quando obteve a marca de 13,05 metros. Foi tricampeão pan-americano e pentacampeão sul-americano. Foi dez vezes campeão brasileiro e colecionou mais de 40 títulos internacionais. Adhemar Ferreira da Silva (1927-2001) nasceu na cidade de São Paulo, no bairro da Casa Verde, no dia 29 de setembro de 1927. Filho de um ferroviário e de uma cozinheira começou a trabalhar cedo para ajudar nas despesas domésticas. Adhemar Ferreira da Silva entrou pela primeira vez em uma pista de atletismo, com 18 anos, levado por um amigo. Entusiasmou-se e iniciou os treinamentos, na hora do almoço, no intervalo do trabalho. Sua primeira competição foi o Troféu Brasil em 1947, obtendo a marca de 13,05 metros. Adhemar Ferreira da Silva destacou-se no salto triplo, modalidade da qual se tornou recordista sul-americano e mundial. Representou o Brasil nas Olimpíadas de Helsinque, na Finlândia, em 1952, quando conquistou a medalha de ouro. Numa mesma tarde bate quatro vezes o recorde olímpico, chegando a saltar 16,22 m, marca que supera em 21 cm o recorde anterior, de 16,01 m. Foi pentacampeão sul americano e tricampeão pan-americano (1951,1955 e 1959). Em 1956, em Melbourne, na Austrália, ficou outra vez com o ouro e estabeleceu novo recorde de 16,35 m. Venceu o campeonato luso brasileiro em Lisboa no ano de 1960. Adhemar foi atleta do São Paulo Futebol Clube e do Clube de Regatas Vasco da Gama. Encerrou sua carreira, na prova realizada no Complexo Esportivo do Maracanã, no Rio de Janeiro, no dia 1 de outubro de 1960. No mesmo ano, tuberculoso, é desclassificado nos Jogos de Roma e desde então, não participa mais de Olimpíadas. Formou-se em Educação Física na Escola do Exército, em Direito na Universidade do Brasil e em Relações Públicas. Entre 1964 e 1967 foi adido cultural na Embaixada Brasileira em Lagos, na Nigéria. Depois de anos trabalhando para o Estado, em atividades ligadas ao atletismo, assumiu, em 1996, o cargo de coordenador da área de esportes das Faculdades Santana, em São Paulo. Adhemar Ferreira da Silva morreu em São Paulo, São Paulo, no dia 12 de janeiro de 2001.

Nenhum comentário: