Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

terça-feira, 20 de setembro de 2016

BIOGRAFIA DE CELEBRIDADES

BIOGRAFIA DE DOMINGOS MONTAGNER
Domingos Montagner (São Paulo, 26 de fevereiro de 1962  Canindé de São Francisco, 15 de setembro de 2016) foi um ator, teatrólogo e empresário brasileiro. Iniciou sua carreira em teatros e circos, através do curso de interpretação de Myriam Muniz. Em 1997, ele formou o grupo La Mínima, ao lado de Fernando Sampaio, e ganhou o Prêmio Shell de Melhor Ator. Em 2003, fundou o Circo Zanni, do qual foi diretor artístico. Começou sua carreira na TV, três anos depois, mas ganhou notoriedade nacional, dentre outros, ao interpretar o Capitão Herculano, na telenovela "Cordel Encantado" (2011), Mundo em "Jóia Rara" e Miguel, em "Sete Vidas" (2016). No cinema, fez participação no longa Gonzaga: De Pai pra Filho (2012), de Breno Silveira. Em 2016, interpretou Santo, protagonista da telenovela Velho Chico, transmitida pela Rede Globo, seu último trabalho. Em um intervalo entre as gravações, afogou-se enquanto se banhava no próprio rio São Francisco, tema principal da novela.
BIOGRAFIA E CARREIRA
Nasceu no bairro paulistano do Tatuapé numa família descendentes de italianos. Sua carreira artística começou no circo, na companhia de seu teatro La Mínima, em 1980. Em 1990, ingressou no teatro como palhaço. Sua primeira telenovela foi Cordel Encantado da Rede Globo. Na televisão fez poucas participações, como o seriado Força Tarefa e A Cura. Também participou do seriado Divã, em que fez Carlos, o amante da protagonista Mercedes, vivida pela atriz Lília Cabral. Em 2012, viveu o presidente Paulo Ventura na minissérie O Brado Retumbante. No mesmo ano, interpretou em Salve Jorge o guia turístico Zyah, que se apaixona por Bianca, personagem de Cléo Pires. Em 2013, viveu o ativista Mundo em Joia Rara. Em 2014, foi escalado para ser o protagonista de Sete Vidas, no papel de Miguel, um homem que descobre ter sete filhos, após ser doador de esperma.  Sua última atuação foi em 2016, na telenovela Velho Chico, interpretando o personagem Santo.
MORTE
No dia 15 de setembro de 2016, durante o horário de almoço das gravações de Velho Chico, o ator mergulhou no Rio São Francisco, na Região de Canindé de São Francisco, em Sergipe, todavia acabou por não retornar à terra firme. A atriz Camila Pitanga estava nadando com Montagner e viu o amigo desaparecer nas águas, arrastado por uma forte correnteza, passando a gritar por ajuda. Logo depois, uma lancha veio resgatá-la. O ator ficou desaparecido durante quatro horas, até seu corpo ser encontrado submerso e já sem vida. Segundo laudos do Instituto Médico Legal (IML) de Sergipe, o resultado da necropsia feita no corpo de Domingos Montagner apontou que o ator morreu de asfixia mecânica por afogamento. Semanas antes do acontecimento, o personagem interpretado por ele na novela foi salvo por índios, que o encontraram inconsciente no rio São Francisco, depois de ter levado um tiro de seu inimigo na trama, mesmo rio em que o ator perderia a vida.

Nenhum comentário: