Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

RAPIDINHAS DO BLOG...

MINISTRO DA FAZENDA CONTA COM APROVAÇÃO DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA EM 2017
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou na segunda-feira, 1º, que conta com a aprovação da reforma da Previdência em 2017. "(A reforma) é muito importante exatamente para compor com as mudanças dos critérios de indexação das despesas de educação e saúde e tornar viável e efetivo o teto dos gastos", disse o ministro, antes de participar de evento em São Paulo. Para Meirelles, a vinculação do crescimento das despesas públicas à inflação do ano anterior, conforme previsto na PEC dos Gastos, não será uma barreira à desindexação da economia. "O nosso pressuposto é exatamente que o Banco Central (BC) começa a ser e será bem sucedido no seu trabalho, no sentido de que a inflação vai convergir para a meta e se manter estável", disse o ministro. "Portanto, não vai se colocar mais este problema (da indexação)."

CIENTISTAS DESCOBREM COMPOSTO NOS NARIZES QUE MATA 'SUPERBACTÉRIA'
O alarmante aumento das infecções resistentes a antibióticos é uma ameaça que tem preocupado autoridades de saúde em todo o mundo, mas a solução pode estar, literalmente, nos nossos narizes. Cientistas da Alemanha descobriram, em uma das milhares de bactérias presentes nas narinas humanas, uma nova molécula com potente efeito contra outras bactérias, matando até mesmo a MRSA (Staphylococcus aureusresistente à meticilina, na sigla em inglês), que causa graves infecções hospitalares e resiste aos medicamentos atualmente disponíveis. Isolada a partir da bactéria Staphylococcus lugdunensis, a nova molécula, batizada de Lugdunin, é o primeiro exemplo conhecido de uma nova classe de antibióticos. O estudo que a descreve foi publicado na revista científica Nature. Segundo os autores do artigo, a descoberta poderá auxiliar o desenvolvimento de novas terapias para as infecções bacterianas de difícil tratamento. O estudo foi liderado por Andreas Peschel, Alexander Zipperer e Bernhard Krismer, todos da Universidade de Tübingen, na Alemanha. De acordo com Peschel, a Staphylococcus aureus também coloniza as cavidades nasais humanas e pode ser encontrada em cerca de 30% das pessoas.  Considerada uma bactéria oportunista, ela se aproveita de fragilidades do organismo - por exemplo, no contexto hospitalar - e causa inúmeras infecções, como bacteremia, pneumonia, osteomielite, endocardite, miocardite e meningite. "Não se sabe exatamente como os outros 70% da população resiste à colonização pela Staphylococcus aureus. Já sabíamos que a presença de várias bactérias nasais, incluindo outras espécies de estafilococos, tem correlação negativa com a sua presença. Por isso, resolvemos testar várias delas", explicou Peschel. Os cientistas analisaram então 90 amostras de diferentes estafilococos presentes nas narinas humanas, a fim de testar até que ponto cada uma delas é capaz de inibir o crescimento da Staphylococcus aureus. Nos testes de laboratório, uma das linhagens identificadas, aStaphylococcus lugdunensis, teve um efeito devastador sobre uma população de Staphylococcus aureus em desenvolvimento. Isso sugeria, segundo os cientistas, que a linhagem liberava algum composto antibiótico. A equipe de pesquisadores então montou uma coleção deStaphylococcus lugdunensis mutantes, nas quais diversos genes foram individualmente "desligados". Em seguida, testaram novamente a ação da Staphylococcus lugdunensiscontra a Staphylococcus aureus, utilizando desta vez as bactérias mutantes. Com isso, eles identificaram uma única mutante que era incapaz de inibir a bactéria super-resistente. O grupo passou então a estudar a bactéria mutante, para descobrir qual proteína o gene "desligado" deixou de produzir, tornando-a ineficaz contra a Staphylococcus aureus. Eles identificaram então o composto, um antibiótico peptídico que foi batizado de Lugdunin. "A descoberta sugere que o tratamento com a própriaStaphylococcus lugdunensis, ou o uso da Lugdunin, pode ser uma ferramenta útil para a prevenção clínica da colonização por Staphylococcus aureus", disse Peschel. Usando a Lugdunin, os cientistas conseguiram tratar, em camundongos, infecções de pele causadas porStaphylococcus aureus. O estudo também mostrou que o composto tem uma potente atividade antimicrobiana contra uma ampla gama de bactérias Gram-postivas, incluindo a MRSA. Foi demonstrado também que o novo antibiótico não causa o desenvolvimento de resistência do Staphylococcus aureus. Os autores também examinaram a cavidade nasal de 187 pessoas hospitalizadas e descobriram que a Staphylococcus aureus coloniza os narizez de 5,9% dos indivíduos portadores de Staphylococcus lugdunensis, contra 37,7% no caso dos não-portadores. Segundo eles, esses dados indicam que, nas narinas humanas, a Staphylococcus lugdunensis parece ajudar a manter a Staphylococcus aureus sob controle.

MICROSOFT LIBERA ATUALIZAÇÃO PARA WINDOWS 10 COM CORTANA EM PORTUGUÊS
A Microsoft vai liberar a partir de hoje a atualização de aniversário do Windows 10. Trata-se da primeira grande mudança no sistema operacional, que, no Brasil, traz agora uma versão da assistente virtual Cortana em português.  A atualização, que deve chegar de forma gradual a todos os dispositivos que já usam o Windows 10, é gratuita e automática – o usuário pode adiar a instalação. Com a Cortana, os brasileiros poderão criar lembretes, reproduzir músicas e fazer buscas na internet no Windows. A assistente pessoal compreende a fala humana, responde e apresenta as informações na tela. “A Cortana vai se tornar mais relevante para o mercado, conforme os usuários brasileiro a utilizarem”, diz Gustavo Lang, diretor de Windows da Microsoft Brasil. De acordo com a empresa, a assistente virtual processa, em média, 1 milhão de perguntas de usuários por dia em todo o mundo. Segundo o editor de Cortana, Renan Leahy, dois grandes desafios tiveram que ser superados para o lançamento da Cortana em português: fazê-la entender a língua e ajustá-la à cultura local. “A Cortana é positiva, bem humorada e fã de futebol no Brasil”, disse Leahy. A assistente pessoal chega em português com 1,2 mil respostas pré-programadas. Com a atualização do Windows 10, a Cortana estará disponível antes de o usuário desbloquear o computador. Isso porque o ícone para acessá-la será adicionado à tela de bloqueio do PC que pede nome de usuário e senha. Novos recursos. Além da Cortana em português, o sistema operacional vai trazer o Windows Ink, um recurso que permite que as pessoas usem uma caneta digital para fazer anotações diretamente na tela de computadores com tela sensível ao toque. Outra novidade é a integração do Windows Hello, disponível desde o início do Windows 10, ao navegador Microsoft Edge e a outros aplicativos. Por meio de Hello, a autenticação, tradicionalmente feita por senhas, é substituída por um sistema de reconhecimento facial ou de impressão digital. O navegador Microsoft Edge também receberá melhorias, como suporte para extensões e otimização do consumo de bateria por aparelhos portáteis. Em termos de segurança, a empresa vai melhorar o Windows Defender: o software de remoção de arquivos maliciosos vai ganhar a opção que programa automaticamente buscas rápidas e periódicas, com o objetivo de manter o PC mais seguro. Até o momento, o Windows 10 já alcançou a marca de mais de 350 milhões de dispositivos – entre computadores, smartphones e tablets – de acordo com a Microsoft. Um dos motivos que impulsionaram a adoção do sistema foi a atualização gratuita para a versão mais recente do sistema, que ficou disponível até a última sexta-feira. A partir de agora, quem quiser baixar e instalar o Windows 10 precisa desembolsar R$ 479
REQUISITOS: Para instalar a atualização de aniversário do Windows 10 é preciso ter um computador com processador de 1 GHz, 1 GB de memória RAM para 32 bits ou 2 GB para 64 bits, 16 GB de espaço livre para armazenamento (para um sistema operacional de 32 bits) ou 20 GB (para um sistema operacional de 64 bits), placa gráfica DirectX 9 ou superior e monitor com tela de resolução de 800 por 600 pixels.

Nenhum comentário: