Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

terça-feira, 8 de março de 2016

BIOGRAFIA DE CELEBRIDADES

BIOGRAFIA DE DORIS DAY.
Doris Mary Ann Von Kappelhoff, conhecida como Doris Day é uma cantora e atriz americana das mais populares nas décadas de 1950 e 1960. Doris Day  nasceu na cidade de Cincinnati, nos Estados Unidos, no dia 03 de abril de 1924. Filha de pais alemães católicos, desde cedo mostrou desenvoltura para a dança. Com 12 anos, após ganhar um concurso de dança, foi para Hollywood, onde permaneceu até completar 14 anos de idade. Ao retornar para Cincinnati sofreu um grave acidente de carro que quase a afastou de sua carreira de dançarina. Doris Day, com 16 anos, iniciou uma turnê, como cantora, com a Orquestra de Les Brown, onde conhece seu primeiro marido Al Jordan. Em 1942, após o nascimento de seu filho, Terry, o casal se separa. Em 1948 casa-se com George Weidler, união que durou oito meses. Em 1948 participa de seu primeiro filme "Romance em Alto Mar". Com 27 anos casa-se pela terceira vez, com seu agente Martin Melcher, do qual seu filho adotou o sobrenome. Ficou viúva em 1968. Nesse mesmo ano assina contrato para realização do programa "The Doris Day Show", que fez grande sucesso até 1973. Em 1976 casa-se pela quarta vez, com Barry Comden, vindo a se divorciar em 1981. Em 1985 apresentou "Doris Day and Friends. Como atriz e cantora brilhou em ARDIDA COMO PIMENTA (BR) (em inglês CALAMITY JANE), no qual além de interpretar a personagem do Velho Oeste Jane Calamidade, cantou Secret Love (que recebeu um Oscar de melhor canção).
Outro sucesso foi QUE SERA, SERA, tema de O HOMEM QUE SABIA DEMAIS (BR) com James Stewart. Mas no filme AMA-ME OU ESQUECE-ME, que fez com James Cagney em 1955, teve a oportunidade de cantar um extenso rol de canções românticas, ao interpretar uma cantora da vida real. Nos anos 60 faria sucesso em comédias românticas co-estreladas por Rock Hudson.
Seu papel mais frequente era a da sexy ingênua, que vivia assediada por homens que usavam de várias artimanhas para conquistá-la. Esse tipo levou Groucho Marx a proferir uma de suas mais célebres frases: "Conheci Doris Day quando ela ainda não era virgem".
Foi casada quatro vezes e teve um filho, Terry Melcher, que faleceu em 2004. Desde a morte dele, Doris leva uma vida reclusa e solitária, dedicando-se exclusivamente à proteção de animais na DORIS DAY PET FOUNDATION, trabalho que vem realizando há várias décadas.

FILMOGRAFIA DE DORIS DAY
Tem um homem na cama da mamãe (1968)
Onde estavas quando as luzes apagaram? (1968)
Capricho (Caprice) (1967)
A indomável (Ballad of Josie, The) (1967)
Every girl's dream (1966)
A espiã de calcinhas de renda (Glass bottom boat, The) (1966) Favor não incomodar (Do not disturb) (1965)
Não me mandem flores (Send me no flowers) (1964)
Eu, ela e a outra (Move over, darling) (1963)
Tempero do amor (Thrill of it all, The) (1963)
A mais querida do mundo (Billy Rose's jumbo) (1962)
Carícias de luxo (That touch of mink) (1962)
Volta, meu amor (Lover come back) (1961)
A teia da renda negra (Midnight lace) (1960)
Já fomos tão felizes (Please don't eat the daisies) (1960)
Confidências à meia-noite (Pillow talk) (1959)
Viuvinha indomável (It happened to Jane) (1959)
O túnel do amor (Tunnel of love, The) (1958)
Um amor de professora (Teacher's pet) (1958)
Um pijama para dois (Pajama game, The) (1957)
O homem que sabia demais (Man who knew too much, The) (1957)
Julie (Julie) (1956)
Ama-me ou esquece-me (Love me or leave me) (1955)
Corações enamorados (Young at heart) (1954)
Com o ceú no coração (Lucky me) (1954)
Lua prateada (By the light of the silvery moon) (1953)
Ardida como pimenta (Calamity Jane) (1953)
So you want a television set (1953)
Paris em abril (April in Paris) (1952)
Combinação invencível (Winning team, The) (1952)
Sonharei com você (I'll see you in my dreams) (1951)
Meus braços te esperam (On moonlight bay) (1951)
Estrelas em desfile (Starlift) (1951)
Rouxinol da Broadway (Lullaby of Broadway) (1951
Dilema de uma consciência (Storm warning) (1951)
Conquistando West Point (West Point story, The) (1950)
Tea for two (1950)
Êxito fugaz (Young man with a horn) (1950)
Meus sonhos te pertencem (My dream is yours) (1949)
Mademoiselle Fifi (It's a great feeling) (1949)
Romance em alto mar (Romance on the high seas) (1948)
Um rosto de mulher (A woman's face) (1941)
Lady be good (1941)
Thou shalt not kill (1939)
VÍDEO 

Nenhum comentário: