Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

terça-feira, 24 de novembro de 2015

VOCÊ SABIA?

CHEGA DE DORMIR MAL! 12 DICAS PARA UMA ÓTIMA NOITE DE SONO
Por mais que a maioria das pessoas concorde que dormir é uma atividade relaxante e prazerosa, não é todo mundo que consegue deitar, fechar os olhos e entrar no mundo dos sonhos com facilidade. Aqui no Mega nós já explicamos por que é uma boa ideia dormir sem roupa, já demos dicas de alimentos que não devem ser consumidos antes da hora do soninho e até já contamos qual é a melhor posição para deitar-se à cama. O que acaba não recebendo tanta atenção quando o assunto é dormir bem é o ambiente no qual dormimos, e uma pesquisa feita sobre o assunto nos chama a atenção para essa questão: o ambiente onde caímos no sono influencia, sim, a qualidade das horas dormidas. O Huffington Post conversou com a ambientalista Jennifer Adams, que deu algumas dicas valiosas que você pode colocar em prática hoje mesmo, se quiser: 
1 – SABE AQUELE ABAJUR ANTIGO? DÊ UMA CHANCE A ELE
Adams explica que, apesar de estarmos acostumados com a substituição das lâmpadas tradicionais – inclusive as de abajures e luminárias –, é interessante manter um abajur de luz amarela. O problema com as lâmpadas LED é que elas imitam a luz do dia, e nosso corpo descansa melhor sem esse tipo de iluminação. A especialista recomenda que, à noite, no quarto, usemos luz amarela.
2 – TEM UM RELÓGIO DIGITAL AO LADO DA CABECEIRA?
Ao que tudo indica, não precisamos deixar de levar para a cama apenas smartphones, tablets e computadores se quisermos dormir melhor. Adams explica que, assim como esses aparelhos interferem na produção de melatonina, um hormônio que nos ajuda a dormir bem, a luz daquele relógio digital que fica ao lado da cabeceira também não é saudável. Adams explica também que o despertador é uma tortura para quem acorda durante a madrugada e resolve conferir o horário – quem nunca se pegou calculando as horas restantes de sono depois de acordar no meio da noite que atire o primeiro rivotril. A recomendação aqui é a de deixar o despertador eletrônico o mais longe possível da sua cabeça – Adams diz que, quando está hospedada em algum lugar que tenha o despertador digital, ela cobre o aparelho com um pano e o coloca no chão.
3 – ILUMINAÇÃO, SEMPRE ELA
Você apaga as luzes do quarto, deixa o celular longe e o computador desligado, coloca o despertador longe do seu campo de visão e, mesmo assim, a iluminação do ambiente atrapalha o seu sono. Bem… Se considerarmos a luz que entra pelas janelas, fica fácil de entender. Se suas cortinas não são muito eficientes na hora de afastar a luz que vem de fora, tente alternativas como máscaras para dormir e, se possível, utilize algum blecaute junto à cortina do seu quarto.
4 – BARULHINHO BOM
Se você não tem a felicidade de dormir em um ambiente livre da poluição sonora que faz parte das grandes cidades, pode ter dificuldades para pegar no sono – o mesmo vale para quem tem sono leve e dorme ao lado de alguém que ronca. O ideal aqui é usar tampões de ouvido, mas, como nem todo mundo se sente confortável com o acessório, Adams sugere o uso de um ventilador ou purificador de ar no ambiente, pois o aparelho cria um ruído constante, que é uma boa forma de nos fazer dormir – melhor ainda se o aparelho tiver um timer e não precisar ficar ligado a noite toda.
5 – ARRUME SUA CAMA
Nós já fizemos uma publicação inteira só sobre os benefícios de arrumar a cama todas as manhãs, mas não custa tocar nesse assunto de novo. Aqui a coisa é bem mais psicológica mesmo, afinal você se sente realizado logo depois de arrumar seu ninho e, quando chega em casa depois de um longo dia, ver sua cama arrumadinha também é uma espécie de terapia. Adams explica que uma cama arrumada tem menos poeira, menos vincos amassados no lençol (o que deixa o espaço mais confortável) e menos pelos, no caso de quem tem animais de estimação.
6 – FALANDO EM CAMA, LEMBRE-SE DE TROCAR OS LENÇÓIS
Para diminuir os efeitos causados pela presença de ácaros, não se esqueça de trocar os lençóis da sua cama pelo menos uma vez por semana – especialmente se algum animal de estimação dorme com você. Além do mais, quando você troca a sua roupa de cama e deita nela pela primeira vez, depois de tomar um banho e vestir um pijama confortável, é ou não é uma sensação maravilhosa?
7 – EM TERMOS DE DECORAÇÃO
De acordo com Adams, não há problemas em ter um quarto com uma decoração espalhafatosa e com cores vibrantes. Ainda assim, é preciso saber que um ambiente como esse não é o mais adequado para que se tenha uma boa qualidade de sono. Ela recomenda, para quem tem interesse nesse sentido, usar cores neutras como azul, marfim, cinza e branco.
8 – VOCÊ É DO TIPO QUE TEM AS MELHORES IDEIAS QUANDO ESTÁ QUASE DORMINDO?
Pois é, eu também. Essas pessoas às vezes anotam o que pensam em seus celulares, para que o assunto não seja esquecido no dia seguinte, mas, se a luz do celular atrapalha nosso sono, o que fazer? Simples: recorrer a dois itens quase obsoletos, mas que têm sua simpatia e utilidade: papel e caneta.
9 – CHEIRINHOS
Para quem gosta de velas, incensos e purificadores de ar com aroma, basta prestar atenção na escolha dos cheirinhos. Em vez de um aroma cítrico, por exemplo, prefira lavanda – deixe os perfumes mais energizantes para o dia. Pode não parecer, mas o perfume do ambiente afeta muito o seu humor e a sua energia.
10 – SOBRE O BANHO ANTES DE DORMIR
Muita gente dorme melhor depois de um bom banho, mas o que talvez você não saiba é que aquele banho quente, que é tido como extremamente relaxante, não é exatamente a melhor opção. O banho quente aumenta a sua temperatura corporal, o que atrapalha o seu descanso. O ideal é tomar um banho menos quente, pois, quando seu corpo está mais frio e você se joga embaixo das cobertas, é mais fácil adormecer. Para ficar mais claro: banho quente é relaxante, mas não deve ser tomado pouco tempo antes de dormir.
11 – DÊ ATENÇÃO AO COLCHÃO E AOS TRAVESSEIROS
Você não é o único que adora o seu travesseiro fofinho e o seu colchão confortável – os ácaros curtem muito esse ambiente, até mesmo porque, para eles, não se trata apenas de um bom lugar para ficar, mas de um ótimo restaurante, afinal as suas células mortas são o banquete dos seus milhares de colegas de cama. Se você é alérgico à poeira, não deixe de passar o aspirador no colchão de tempos em tempos e de expor seus travesseiros ao sol sempre que possível. Além do mais, vale sempre lembrar que esses itens têm um tempo de vida útil, e que você deve trocá-los de vez em quando, pelo bem da sua saúde. Dica: troque de travesseiro a cada dois anos e de colchão a cada dez.
12 – MENOS É MAIS
Algumas pessoas transformam seus quartos em verdadeiros apartamentos compactados. O ideal é não entupir o cômodo com muita coisa. Uma cama, um armário, um criado-mudo, um sofá e mais algum móvel já é o suficiente. “Você não precisa de uma mesa ou de qualquer equipamento de exercício”, explica a especialista. Para Adams, nosso quarto não precisa nem de espelho.

Logicamente, nem sempre é simples seguir todas essas dicas, mas, se você puder dar uma chance a algumas delas, talvez suas noites de sono sejam mais bem aproveitadas.

Nenhum comentário: