Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

CINEMA NO BLOG

A FORÇA DE UM PASSADO (1993)
Flesh and bone

FICHA TÉCNICA
Outros Títulos:
Unha com Carne (Portugal)
Le lien (Canadá francês)
Omicidi di provincia (Itália)
Como uña y carne (Espanha)
Silencio de sangre (Argentina)
Ein Blutiges Erbe (Alemanha)
Ondskan är tålmodig (Suécia)
Плоть от плоти (Rússia) 
Pais:
Estados Unidos
Gênero:
Drama, Mistério, Romance
Direção:
Steve Kloves
Roteiro:
Steve Kloves
Produção:
Paula Weinstein, Mark Rosenberg
Design Produção:
Jon Hutman
Música Original:
Thomas Newman
Fotografia:
Philippe Rousselot
Edição:
Mia Goldman
Direção de Arte:
Charles Breen
Figurino:
Elizabeth McBride
Guarda-Roupa:
Anna Abbey, Susan Kistler, Mary E. Fields e outros
Maquiagem:
Dorothy Pearl, David Whitley, Leonard Engelman
Efeitos Sonoros:
Andrea Lakin, Scott Hecker, Ann Hadsell e outros
Efeitos Especiais:
Randy Moore, Margaret Johnson

ELENCO
Dennis Quaid
Arlis Sweeney
Meg Ryan
Kay Davies
Gwyneth Paltrow
Ginnie
James Caan
Roy Sweeney
Barbara Alyn Woods
Cindy
Betsy Brantley
Peg
Christopher Rydell
Reese Davies
Scott Wilson
Elliot
James N. Harrell
Woody
Libby Villari
Garçonete
Gail Cronauer
Emma
Joe Stevens
Kyle
Ron Kuhlman
Clem Willets
Jerry Swindall
Arlis Sweeney, jovem
Ryan Bohls
Scotty Willets
Craig Erickson
Ted
Gerardo Johnson
Juan
Héctor García
Nestor
Nik Hagler
Earl
Travis Baker
Sullen Kid

INDICAÇÕES
Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos:
Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Gwyneth Paltrow)

VIDEOCLIPES


SINOPSE
Na zona rural do Texas, uma família encontra um menino, Arlis, que diz estar perdido. Eles o levam pra casa, o alimentam e lhe dão um lugar para dormir. Mas o menino, mais tarde, permite que seu pai, Roy Sweeney, entre na casa para assaltá-la. Quando são descobertos, Roy assassina brutalmente a família, deixando apenas uma garotinha como sobrevivente. Anos depois, Arlis passa a levar uma vida tão simples quanto rotineira, em sua árida terra natal. Ele administra suas máquinas caça-níqueis, indo de uma cidade a outra. Quanto à sua vida amorosa, troca de amante com certa frequência. Certa vez, ao fazer uma parada em uma pousada onde uma agitada festa está sendo realizada, ele vê Kay, uma mulher que sai de um bolo na festa e, em seguida, desmaia por ter tomado bastante bebida alcoólica. Arlis acaba lhe oferecendo uma carona. Depois de uma longa viagem, eles chegam à casa dela.  Uma vez lá, ao verificar que seu marido, Reese Davies, vendeu os móveis da casa e perdeu todo o dinheiro em rodas de jogo, ela embala os pertences que restaram e vai embora com Arliss. Enquanto isso, uma jovem mulher, chamada Ginnie, agora viaja com um Roy bem mais velho. Ela é uma golpista que pretende se passar por amiga de um morto e, assim, roubar suas joias em plena casa funerária. Quando Roy se fere, ela o leva até Arliss, para que este cuide dos ferimentos do pai. Roy percebe que Kay deve ser o bebê que ele poupou quando da chacina por ele executada há 30 anos. Arlis chega à mesma conclusão e tenta se afastar dela, deixando-a num motel com algum dinheiro. No entanto, ele muda de ideia e, ao ligar para o motel, descobre que ela saiu de lá em companhia de Ginnie. A julgar pelas informações do funcionário do motel, Arlis acredita que Kay está sendo levada para a antiga casa onde, possivelmente, Roy deve estar preparando uma armadilha contra ela. Assim, ele parte imediatamente para lá onde, ao vê-lo, Roy pede às jovens que façam um passeio enquanto ele fala com o filho. Quando elas saem, Roy comenta que tem receio que o filho fale para Kay que ele foi a pessoa que assassinou a família dela. Dessa forma, continua ele, um dos dois deverá matar a jovem. Atônito, Arlis puxa sua arma e mata o pai.  Por outro lado, ele acha doloroso demais estar com Kay, bem como tentar explicar-lhe seu passado. Seus pais adotivos haviam contado para ela que sua família havia morrido em um acidente de carro. Assim, Kay e Arliss terminam seguindo caminhos diferentes.

COMENTÁRIOS
Escrito e dirigido pelo cineasta texano Steve Kloves, “A Força de um Passado” é um bom filme do cinema americano da primeira metade dos anos 1990.  Rodado no Texas, com belos cenários e uma ótima fotografia trabalhada pelo francês Philippe Rousselot, o filme lembra uma tragédia grega ao misturar amor amaldiçoado, culpa, destinos cruzados, massacre, parricídio.  Casados, na vida real, Dennis Quaid e Meg Ryan nos brindam com ótimas atuações, mas a jovem Gwyneth Paltrow, aos 21 anos de idade, é a grande revelação.

por Carlos Augusto de Araújo

Nenhum comentário: