Seja bem vindo ao "Blog do Borjão"

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

COMUNICADO DO BLOG

O "BLOG DO BORJÃO" COMUNICA AO SEU "WEB LEITOR" QUE DEVIDO AS FESTAS DE NATAL E DE ANO NOVO, O "BLOG" SOMENTE RECEBERÁ NOVAS ATUALIZAÇÕES A PARTIR DE 06 DE JANEIRO DE 2011. PARA TODOS VOCÊS UM FELIZ NATAL E UM ANO NOVO COM MUITA PAZ. A SEGUIR DEDICAMOS COM CARINHO PARA VOCÊS O NOSSO CARTÃO DE BOAS FESTAS: 


quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

CITAÇÃO DO DIA

"O vento espalha as flores pelo chão e o tempo do verão é bem pequeno. Às vezes brilha o Sol em demasia, outras vezes desmaia com frieza; o que é belo declina num só dia, na eterna mutação da natureza." (William Shakespeare (1564-1616), dramaturgo e poeta inglês)

CHARGE DO DIA


RAPIDINHAS DO BLOG...

INTERNAUTAS USAM INFORMAÇÕES PESSOAIS EM SENHA, DIZ ESTUDO
Quase quatro em cada cinco usuários de internet admitem usar informações pessoais e frases em suas senhas. São quase 79% dos internautas, segundo o site da revista "PC World". Um estudo da empresa Check Point mostrou que 26% usam a mesma senha para e-mail, uso virtual de bancos e redes sociais. E pior: 8% dizem usar senhas obtidas em listas de "boas senhas" obtidas na internet. Ainda de acordo com os dados, 22% dos pesquisados revelaram já ter tido alguma conta em rede social invadida. Outros 22% disseram ter tido seus e-mails hackeados. O alerta chega em boa hora, com as compras on-line em alta por causa do fim do ano. É importante manter senhas fortes e diferentes em cada serviço. Conheça dicas para proteger suas informações pessoais na internet aqui.

CHOCOLATE PODE CURAR TOSSE PERSISTENTE, SEGUNDO CIENTISTAS
Cientistas encontraram uma solução para quem sofre de tosse persistente: chocolate. Eles isolaram uma substância que ocorre naturalmente no cacau, que dificulta a ação da condição irritante desde a raiz. A informação foi publicada no site do jornal britânico "The Telegraph", nesta semana. De acordo com um levantamento recente, cerca de 7,5 milhões de pessoas do Reino Unido sofrem de tosse persistente a cada ano, definida como aquela que dura mais de duas semanas, mesmo depois que a causa desaparece. No momento, a maioria dos medicamentos para controlar os sintomas são à base de opiáceos, como xaropes que contêm codeína, um narcótico. No entanto, a agência que controla produtos de saúde e medicamentos no Reino Unido (MHRA, na sigla em inglês) disse em outubro que menores de 18 anos não devem tomar essa medicação, pois as desvantagens superavam os benefícios. Agora, uma empresa britânica de remédios está ajudando a desenvolver um à base de uma droga chamada teobromina, que "inibe a queima inadequada do nervo vago, uma característica fundamental da tosse persistente". "É encontrado em quantidades significativas em produtos à base de cacau", disse a empresa. Segundo o professor Alyn Morice, da clínica Hull Cough, "devido aos inconvenientes das drogas opioides, como a codeína, estamos em busca de um tratamento não opioide, que resulte em menos efeitos colaterais para os pacientes". Morice disse que, enquanto é "teoricamente possível" obter teobromina suficiente em uma barra de chocolate para aliviar a tosse, mais estudos ainda devem ser feitos para revelar a dose exata necessária.

CAIXA LANÇA CARTÃO PARA GARANTIR ALUGUEL
A partir de agora, não será mais necessário ter um fiador, contratar um seguro-fiança ou fazer um cheque caução para alugar uma residência. O inquilino poderá pedir um cartão aluguel em uma das imobiliárias cadastradas. O produto funciona como um cartão de crédito e oferece metade das taxas praticadas no mercado de locação. "Usar o cartão será como comprar uma TV LCD. Além de trazer simplicidade para o setor, trará tranquilidade para as imobiliárias, uma vez que a Caixa assume a análise dos riscos do negócio", explica o vice-presidente de pessoa física da Caixa, Fábio Lenza. Quem tem o salário mínimo de R$ 1 mil já pode pedir o cartão em uma agência da Caixa ou nas imobiliárias cadastradas. Após aprovação do limite, serão 12 parcelas mensais com o valor do aluguel - acrescido de uma taxa mensal de 6,67% - mais uma anuidade de R$ 8 por mês. "Se você tem um aluguel de R$ 1 mil, você vai pagar R$ 1.067 todo mês (mais a anuidade). Em 12 meses, o inquilino pagará R$ 800 de taxas. Já o seguro fiança equivale em média a uma mensalidade e meia. É como se a pessoa pagasse R$ 1.300 ou R$ 1.500 de taxas ao ano para cobrir os 12 meses", diz Lenza. A Caixa fez parceria com quatro imobiliárias para a fase piloto do projeto - que vai até o fim de janeiro: duas de São Paulo -Parceria Imóveis e Koyama Imóveis; e duas de Goiás -Tropical Corretora e Leonardo Rizzo Locações. Mas outras empresas já podem se cadastrar. Em fevereiro, o cartão funcionará nacionalmente. "No primeiro ano de funcionamento pleno queremos atingir 100 mil cartões aluguel vendidos e nos próximos cinco anos 1 milhão de cartões", prevê Lenza. Para o presidente do sindicato do setor de habitação (Secovi-SP), João Crestana, o cartão veio em boa hora, pois desburocratiza o setor de locação e ajuda a solucionar o déficit habitacional, que já chega a 60% no Estado de São Paulo. "O cartão será importante tanto para a imobiliária quanto para o inquilino". Crédito. O superintendente regional paulista da Caixa, Valter Nunes, afirmou que orçamento inicial do banco para novos financiamentos no setor imobiliário deverá ficar entre R$ 45 bilhões e R$ 50 bilhões no próximo ano, que incluem FGTS, poupança e parte do programa Minha Casa, Minha Vida. "Esse é o orçamento inicial. Com certeza, durante o ano superaremos esse montante, assim como aconteceu em 2010". Segundo ele, o orçamento inicial de 2010 era mais ou menos o mesmo montante, mas a Caixa deverá fechar este ano com R$ 70 bilhões em novos financiamentos imobiliários. Em entrevista recente, a presidente da Caixa, Maria Fernanda Coelho, havia informado que até a véspera do Natal o banco deverá ter fechado contratos de 940 mil casas dentro do Minha Casa, Minha Vida e que a carteira de crédito total da instituição encerrará 2010 em R$ 181 bilhões, com crescimento de 46% em relação ao ano passado.

INDICADORES DO BLOG

INDICE BOVESPA
+1,41 Fech. Atual: 68.214 pts – 18:15 hs – 21-12-2010 - Fech. Anterior: 67.263 pts

BOLSAS NO MUNDO
INDICADOR
VARIAÇÃO*
DATA
CAC 40 - Paris
+1.09
21/12/2010
DAX - Frankfurt
+0.84
21/12/2010
Dow Jones
+0.45
21/12/2010
FTSE-100 Londres
+0.89
21/12/2010
H.Seng-H.Kong Exch.
+1.56
21/12/2010
IBEX 35-Madrid Stock Exch.
+2.07
21/12/2010
Nasdaq Composite Index
+0.65
21/12/2010

CÂMBIO
MOEDA
COMPRA(R$)
VENDA(R$)
DATA
HORA
US$ Com
1.6960
1.6980
21/12/2010
17:05
US$ Par
1.8000
1.9200
21/12/2010
17:04
US$ Tur
1.6400
1.8000
21/12/2010
17:04
US$ Médio
1.6966
1.6974
21/12/2010
17:42
Euro
2.2240
2.2265
21/12/2010
21:30
 
INFLAÇÃO
INDICADOR
VALOR(R$)
VARIAÇÃO(%)
DATA
IGP-DI - Mês
1.58
+0.00
30/11/2010
IPC SP (FIPE) - Mês
0.72
+0.00
30/11/2010
IPCA (IBGE) - Mês
0.83
+0.00
23/11/2010

INDICADORES
INDICADOR
VALOR(R$)
VARIAÇÃO(%)
DATA
CDB Pré 30 dias CETIP
10.37
-4.33
11/05/2009
CDI Over - Andima
1.206103
+0.00
20/12/2010
Poupança 1o. dia mês seguinte
0.64130
+0.00
01/12/2010
Poupança Dia
0.57730
-1.33
21/12/2010
Taxa Juros Longo Prazo Ano
6.00
+0.00
01/11/2010
TBF - Taxa Básica Financeira Mês
0.8661
+3.26
20/12/2010
INPC % Mes IBGE
1.03
+0.00
31/11/2010
Taxa Prime (ano)
3.25
+0.00
21/12/2010
Taxa Selic Over
10.66
+0.00
21/12/2010
Libor 1M-British Pound
0.58188
+0.10
21/12/2010

CINEMA NO BLOG

A CALDEIRA DO DIABO (1957)
Peyton Place




FICHA TÉCNICA

Outros Títulos:Les plaisirs de l'enfer (França)
Vidas borrascosas (Espanha)
I peccatori di Peyton (Itália)
Glut unter der Asche (Alemanha)
Gênero:
Drama
Direção:
Mark Robson
Roteiro:
John Michael Hayes
Produção:
Jerry Wald
Música Original:
Franz Waxman
Fotografia:
William C. Mellor
Edição:
David Bretherton
Direção de Arte:
Jack Martin Smith, Lyle R. Wheeler
Figurino:
Adele Palmer
Guarda-Roupa:
Charles Le Maire
Maquiagem:
Ben Nye
Efeitos Sonoros:
Frank Moran, E. Clayton Ward
Efeitos Especiais:
L. B. Abbott
Pais:
Estados Unidos

ELENCO

Lana Turner
Constance MacKenzie
Lee Philips
Michael Rossi
Lloyd Nolan
Dr. Matthew Swain
Arthur Kennedy
Lucas Cross
Terry Moore
Betty Anderson
Russ Tamblyn
Norman Page
Hope Lange
Selena Cross
Diane Varsi
Allison MacKenzie
David Nelson
Ted Carter
Mildred Dunnock
Elsie Thornton
Betty Field
Nellie Cross
Robert Adler
Primeiro Jurado
Barry Coe
Rodney Harrington
Leon Ames
Sr. Harrington
Tom Greenway
Juiz
Alan Reed
Matt
Lorne Greene
Promotor
Steffi Sidney
Kathy
Robert Harris
Seth Bushwell
Tami Conner
Margie
Staats Cotsworth
Charles Partridge
Peg Hillias
Marion Partridge
Erin O'Brien-Moore
Sra. Evelyn Page
Bill Lundmark
Paul Cross
Scotty Morrow
Joseph 'Joey' Cross

INDICAÇÕES

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA:
Oscar de Melhor Fotografia
Oscar de Melhor Filme
Oscar de Melhor Direção (Mark Robson)
Oscar de Melhor Roteiro Adaptado
Oscar de Melhor Atriz (Lana Turner)
Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Arthur Kennedy e Russ Tamblyn)
Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Hope Lange e Diane Varsi)

Prêmios Globo de Ouro, EUA:
Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Hope Lange e Mildred Dunnock)

SINOPSE

No verão de 1939, chega à pequena comunidade de Peyton Place, na Nova Inglaterra, Michael Rossi, um professor Ph.D, com idéias educacionais avançadas, para assumir o cargo de diretor do Colégio local. A população da pequena comunidade parece ser composta de pessoas sem maiores problemas, de pessoas felizes.  Todos freqüentam a Igreja, passeiam e fazem compras nas lojas da Praça central.  Por trás dessa tranqüila atmosfera, entretanto, muitos segredos se escondem:

Allison é filha bastarda de Constance MacKenzie, fruto de uma relação da mãe com um homem casado.  Sua mãe conseguiu ilegalmente mudar sua certidão de nascimento, de modo que, ao chegar à Peyton Place, contou para todos que seu marido havia morrido.  Sem conhecer a verdade sobre o pai, Allison beijava seu retrato toda manhã antes de sair para o colégio.  Enquanto criança, nunca teve interesse nos garotos, estando sempre às voltas com os livros.  Com a adolescência, surgem as emoções de seus primeiros conflitos sexuais.  Ela passa a sair com o jovem Norman Page, um adolescente sensível e inseguro, que vive com a mãe, a Sra. Evelyn, uma mulher extremamente dominadora.  Quando as fofoqueiras da cidade dizem para sua mãe, Constance, que ela fora vista nadando nua com Norman, as duas se confrontam, ocasião em que Allison termina sabendo toda a verdade sobre seu pai.  Após ser graduada no colégio, viaja para Nova York a fim de tentar a carreira de escritora, de onde regressa para ajudar sua melhor amiga, Selena Cross, quando esta é acusada de ter assassinado seu padrasto.

Quanto à Constance, ela é uma mulher bastante atraente, proprietária de uma loja de roupas.  Com receio de ficar falada na cidade, sempre manteve em segredo o fato de ter tido um caso com um homem casado, que resultou no nascimento de sua filha, Allison.  Quando o novo diretor do colégio, Michael Rossi, tenta uma maior aproximação, ela inicialmente o evita, face ao trauma que carrega do seu primeiro relacionamento amoroso.

Selena Cross é a melhor amiga de Allison.  Com a mesma idade dela, é filha de uma empregada de Constance, Nellie Cross.  Vive em uma modesta casa em companhia da mãe, de um irmão, Joey, e do padrasto, Lucas Cross, um homem violento e alcoólatra.  Uma noite, ao voltar para casa, encontra seu padrasto sozinho e bêbado.  Ele a ataca e a estupra, deixando-a grávida.  Ao saber do ocorrido, Dr. Matthew Swain, o médico local, obtém uma confissão por escrito de Lucas e o expulsa da cidade.  Em seguida, vê-se obrigado a fazer o aborto ilegal em Selena, o qual oficialmente é tido como uma apendicectomia.  Selena passa a trabalhar na loja de Constance, onde se torna gerente quando sua mãe, acometida de câncer, se suicida.  Em 1944, durante uma tempestade de neve, Lucas Cross, agora servindo na marinha americana, aparece bêbado na casa de Selena e avança contra ela.  Ao tentar se defender, ela termina matando o padrasto.  Com a ajuda do irmão, Joey, ela enterra o corpo no quintal.  Selena é presa e vai a julgamento.

Outros relacionamentos ocorrem na pequena comunidade, como o caso de arrogante Rodney Harrington, que se casa com Betty Anderson, a garota namoradeira do colégio, o que é feito contra a vontade de seu pai, um rico e bem-sucedido homem de negócios.

O julgamento de Selena termina por expor os padrões de moral falidos de Peyton Place.

VÍDEOS
 

 CRÍTICAS

Baseado no livro homônimo de Grace Metalious, "A Caldeira do Diabo" é um excelente filme.  Realizado pelo cineasta Mark Robson, trata de assuntos como incesto, aborto, estupro, adultério, repressão e cobiça.Partindo de um ótimo roteiro adaptado, assinado por John Michael Hayes, Robson exerce uma direção segura, no que é ajudado pela brilhante fotografia de William Mellor e por magníficas interpretações.Lana Turner, ao desempenhar o seu primeiro papel como 'mãe', se sai muito bem, com uma atuação excepcional.  Diane Varsi, estreando no cinema aos 19 anos, está ótima no papel de Allison, uma jovem inteligente que deseja experimentar a vida, mas que tem pela frente uma mãe controladora, marcada por um segredo que carrega consigo.  Uma outra grande performance nos é dada por Hope Lange, no papel da sofrida Selena.  Merecem ainda destaques, as atuações dos veteranos Mildred Dunnock, Lloyd Nolan e Arthur Kennedy.

TURISMO NO BLOG

PRAIA DA CAPONGA-CE

Caponga, distante de Fortaleza: 72 km, representa o principal núcleo de pesca do município de Cascavel, de onde está a uma distância de 12 km. Localizada em uma pequena enseada, tem como cenário um coqueiral que contorna os espelhos d'água e um mar bastante calmo com arrecifes. Uma das principais atrações é a Barra da Caponga, formada pelo fluxo da maré.
Uma boa opção para quem está na Caponga é um passeio até Barra Nova. Localizada na barra do rio Choró, a praia possui um cenário de barrancas vermelhas cobertas de vegetação e coqueiros. O conjunto de belezas naturais do lugar faz de Barra Nova um dos pontos mais procurados pelos turistas. Antes de chegar a Barra Nova, você passa por outro paraíso: a praia de Águas Belas, outro deleite para os olhos. Também vale uma passada pela bela praia da Balbina. Apesar de ainda possuir áreas ainda sem ocupação, a praia oferece boa infra-estrutura para turistas.

DICAS BACANAS

» Passeie de jangada e também nas dunas
» Visite a feira de artesanato de Cascavel
» Saboreie uma cervejinha com camarão no final da tarde à beira mar
» Conheça a praia da Balbina, a 3 km da Caponga, que agrega núcleo nativo e ancoradouro
» Vale a pena fazer um passeio até a Barra Nova para conhecer o Mirante da Duna, na margem oposta do rio Choró – a aventura é cansativa, mas vale a pena pelo visual do encontro das águas do mar com o rio.
» No caminho, entre Caponga e Barra Nova, mergulhe na belíssima praia de Águas Belas.
» Saiba que só é possível navegar no rio Choró em botes de pesca e barcos lagosteiros.
» Fotografe o ancoradouro de jangadas, em frente ao núcleo nativo, e também o fundeadouro dos barcos na enseada do rio Choró.
» Conheça as praias desertas da Barra Nova fazendo caminhadas ou em carros com tração 4×4
ONDE FICAR

Hotéis e Pousadas

Hotel Belatur
(85) 3334.8437 / 9102.7044

Jangadas da Caponga
(85) 3334. 8723 / 8858.6339

Pousada do Meio
(85) 3334.8305 / 8880.1594

Hotel Praia Águas Belas
(85) 3334.8060

CIRCULA NA INTERNET

CADEIAS LOTADAS

Em uma cidade da Califórnia nos "States", as Delegacias de Polícia estão superlotadas devido a uma propaganda que foi divulgada pelas policiais da cidade no intuito de diminuir a violência que estava bastante acentuada. De acordo com a imagem a seguir o "web leitor" poderá tirar as suas conclusões da "eficiência" das Policiais. 


IMAGEM DO DIA

Mais uma bela imagem da Barra de Punaú - Rio do Fogo/RN

PIADA DO BLOG

CHEFA É CHEFA

Num escritório trabalhavam três mulheres, loura, ruiva e morena que tinham uma chefe. Todo dia elas notavam que a chefe saía mais cedo. Um dia todas decidiram que, quando a chefe saísse, elas fariam mesmo. Afinal, depois de sair, a chefe nunca mais voltava, nem dizia mais nada, por isso estariam seguras. E por que é que também não poderiam ir para casa mais cedo?

A morena ficou absolutamente radiante por ir para casa mais cedo. Pode tratar um pouco do jardim, passar algum tempo a brincar com o filho, e foi para a cama mais cedo. A ruiva ficou também deliciada com esse tempinho extra. Aproveitou para uma curta aula no ginásio antes de se preparar para um encontro ao jantar. A loura (tinha que ser uma loura...rs) ficou contente por chegar a casa mais cedo e surpreender o marido, mas quando chegou ao quarto, ouviu vários sons abafados. Abrindo a porta lenta e silenciosamente, ficou mortificada por ver o marido com a sua chefe em grande ação na cama! Suavemente fechou de novo a porta e saiu da casa.

No dia seguinte, durante uma pausa para o café, a morena e a ruiva planejavam sair de novo mais cedo e perguntaram à loura se ela queria fazer o mesmo.

- Nem pensar! - respondeu a loura - Ontem quase a chefe me pega!

TEXTO DO BLOG

OPOSIÇÃO A FAVOR 
por Ruy Fabiano*

A decisão dos governadores do PSDB de não fazer oposição ao governo Dilma Roussef confunde mais do que esclarece. E expressa uma abominável tradição: a do adesismo utilitário, que desconsidera ideário programático e compromisso com o eleitor.
É claro que o papel de um governador é governar. Nesses termos, é um sócio do poder federal, já que conduz um ente federativo, parte do todo, representado pelo governo central.
Mas isso não o impede de manter postura crítica, sobretudo no campo programático, e se associar ao discurso da bancada parlamentar oposicionista, com o qual, afinal, se elegeu. Essa lógica, no entanto, parece ter passado longe dos governadores tucanos que se reuniram em Maceió, na quarta-feira.
Lá, decidiram optar pelo "fortalecimento das relações do partido com a sociedade, com sua base política e partidária, com o governo federal e com os municípios". Em suma, disseram que, embora eleitos pela oposição, não farão oposição. Isso é para o Congresso.
Por trás dessa retórica cívica, que o Conselheiro Acácio, de Eça de Queiroz, subscreveria, está a ideia servil de que um governador precisa estar bem com o presidente da República para que este não maltrate o estado. Não é um sinal de avanço democrático. Prevalece como um dado da cultura política brasileira.
Nas eleições, os candidatos ligados às forças situacionistas proclamam essa condição de "amigos do rei" para convencer o eleitor a optar pelo voto pragmático, interesseiro, que desconsidera quaisquer outros valores, inclusive de ordem moral, para ater-se à visão meramente utilitária.
A lógica é descarada: sendo o candidato amigo do presidente, o estado ou a cidade serão beneficiados por verbas generosas e obras providenciais. Não sendo, o padrão será de sufoco. Há evidente desvio ético nesse fundamento.
Afinal, seja lá quais forem as relações, pessoais ou políticas, entre os governantes, o contribuinte continuará a sustentá-los com seus impostos. Se os deveres que a lei lhe impõe serão cobrados em qualquer hipótese, os direitos deles decorrentes não podem estar condicionados a fatores de qualquer outra ordem. Mas estão.
O que os governadores do PSDB, que irão cuidar de algumas das principais unidades federativas do país, como São Paulo e Minas, perderam, na reunião de Maceió, foi a oportunidade de denunciar esse padrão adesista e comprometer-se com sua mudança.
Nenhum presidente da República assume sua parte nesse processo. Todos juram que tratam os adversários do mesmo jeito. Na prática, porém, prevalece o velho axioma: aos amigos, tudo; aos inimigos, a lei. Em alguns casos, nem a lei.
Isso explica porque um político como Leonel Brizola, arqui-inimigo do regime de 1964, tornou-se, tão logo elegeu-se governador do Rio, em 1982, na vigência governo do general João Figueiredo, um cordial aliado, ao ponto de defender a prorrogação daquele mandato presidencial por mais dois anos, na expectativa de tratamento privilegiado que permitisse sucedê-lo.
De volta ao mesmo governo em 1990, repetiu a dose: opôs-se ao impeachment de Fernando Collor, cujo suplício político chegou a comparar ao de Getúlio Vargas em 1954.
O que esse gesto produz – ou mantém – é a falta de nitidez programática da política brasileira. Ninguém sabe, na verdade, o que distingue os partidos. Vota-se nos personagens. E estes, sabendo disso, promovem, como prática habitual (só recentemente contida pela lei), o troca-troca de legendas, desmoralizando a própria instituição partidária, base e fundamento do sistema representativo.
Fidelidade partidária exige partidos com ideário efetivo, o que só se dá pela coerência prática de seus filiados. Alguém sabe dizer o que distingue o PMDB do PSDB - e este do PT?
Em 2002, Lula se elegeu presidente condenando o governo de FHC por práticas neoliberais. Mas, a seu lado, como candidato a vice-presidente, estava José Alencar, representando nada menos que o Partido Liberal. Em São Paulo, o empresário e presidente da Fiesp, Paulo Skaf, filiou-se ao Partido Socialista Brasileiro e por ele disputou o governo do estado. São contradições explícitas, assimiladas como inerentes ao pragmatismo político brasileiro.
A julgar pelo manifesto dos governadores tucanos em Maceió, o PT continuará sendo beneficiário de uma democracia sem oposição. E os seus problemas, mais uma vez, decorrerão da voracidade fisiológica das alianças internas que sustentam o governo.
   
(*) Ruy Fabiano é jornalista

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

CITAÇÃO DO DIA

"Devia ser mais importante isso de completar mais um ano. Devíamos sentir uma novidade qualquer. A de estarmos, por exemplo, subitamente mais velhos." (Antônio Maria (1921-1964), compositor e cronista pernambucano)

CHARGE DO DIA


RAPIDINHAS DO BLOG...

BALANÇA ACUMULA SUPERÁVIT DE US$ 16,6 BILHÕES NO ANO
A balança comercial brasileira acumula superávit de US$ 16,686 bilhões em 2010, até a terceira semana de dezembro. De acordo com dados divulgados na segunda-feira, 20, pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), o saldo é 29,6% inferior aos US$ 23,701 bilhões registrados no mesmo período do ano passado. No entanto, a corrente de comércio (soma das exportações e importações) chegou a US$ 368,470 bilhões, superando em 36,3% o total de US$ 271,531bilhões apurado em igual período de 2009. Até a terceira semana de dezembro, as exportações totalizaram US$ 192,578 bilhões, com média diária de US$ 799,1 milhões, equivalentes a um crescimento de 31% ante a média de US$ 610 milhões registrada no mesmo período de 2009. Neste ano, as importações já chegam a US$ 175,829 bilhões, com média diária de US$ 729,8 milhões, valor 42,5% superior à média de US$ 512 milhões registrada em igual período do ano passado. A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 330 milhões na terceira semana de dezembro. Entre os dias 13 e 19, as exportações somaram US$ 4,309 bilhões, com média diária de US$ 861,8 milhões, enquanto as importações chegaram a US$ 3,979 bilhões, com média de US$ 795,8 milhões. No acumulado do mês até a terceira semana, a balança comercial brasileira teve superávit de US$ 1,776 bilhão. Nos 13 primeiros dias úteis de dezembro, as exportações totalizaram US$ 11,581 bilhões e as importações, US$ 9,805 bilhões. Em relação à média diária de embarques de dezembro do ano passado, houve crescimento de 35,5%, enquanto ante novembro deste ano o aumento foi de 0,7%. Nas importações, o valor foi 35% superior à média registrada no mesmo mês de 2009 e 13,2% inferior ao apurado em novembro de 2010.

IMAGINAÇÃO PODE SER ARMA PODEROSA PARA DIETAS, DIZ ESTUDO
Esse ano talvez você tenha uma chance ao enfrentar as tentações oferecidas pelas festas de fim de ano. Um estudo apresentado pela revista Science descobriu que as pessoas que se imaginam comendo doces, acabam comendo menos quando têm a oportunidade. De acordo com a revista, imaginar aquele suculento peru ou sua sobremesa preferida aumenta o seu apetite, sim. Mas se você se imaginar, em detalhes, comendo esses pratos (visualize os talheres cheios), a imagem terá o efeito oposto. Segundo os pesquisadores responsáveis pela pesquisa, o efeito da exposição a imagens desse tipo já era conhecido, processo que os psicólogos chamam de habituação, e que sabidamente diminui o apetite independentemente dos sinais fisiológicos, como o nível de açúcar no sangue. No entanto, ninguém nunca tinha tentado apenas se imaginar comendo. Segundo Frances McSweeney, um psicólogo da Universidade de Washington relatou à Science, a descoberta pode ter utilidade prática como uma possível estratégia para regimes. Aqueles que quisessem perder peso poderiam passar alguns minutos antes de cada refeição realizando o exercício mental de se imaginar ingerindo exatamente os alimentos que irão comer naquela refeição ou ainda eliminando os famosos "desejos" por alimentos altamente calóricos.

APARELHOS MÓVEIS TÊM IMPACTO SOBRE EMISSÕES E DESMATAMENTO
São pequenos, leves e tentadores, mas os celulares, os MP3, os tablets ou outros brinquedinhos eletrônicos que dominarão as árvores de Natal este fim de ano têm um impacto notável sobre o ambiente. De sua fabricação --que requer a extração de minerais raros que geram emissões de CO2 -- até o final de sua vida, quando devem ser submetidos a um processo de reciclagem nem sempre empregados, estes aparelhos têm todas as características necessárias para não integrar a lista de presentes dos defensores do ambiente. "São aparelhos em miniatura, com um aspecto inofensivo, mas têm um impacto ambiental colossal: para extrair pequenas quantidades de minerais, é preciso desmatar hectares de florestas e espaços naturais", denuncia Annelaure Wittmann, da Associação Amigos da Terra. Wittmann cita o exemplo República Democrática do Congo (RDC), onde a extração de mineral indispensável para a fabricação de celulares ameaça as populações de gorilas. Esta ONG já lançou ataques contra o iPad da Apple, criticando "o incrível desperdício de matérias-primas que sua fabricação requer". Em termos de gases de efeito estufa, a compra de equipamentos eletrônicos representa de 6% a 7% das emissões anuais de um cidadão francês, mais da metade das quais vem de televisores, segundo Jean-Marc Jancovici do gabinete de assessoria Carbone 4. O Centro Nacional francês de Informação Independente sobre Dejetos (Cniid), que milita por uma redução destes resíduos, denuncia, por sua parte, "a estratégia deliberada" dos fabricantes destes aparelhos ao reduzir a duração de sua vida ativa, porque são dificilmente reparáveis ou porque estão submetidos à "ditadura da moda". "São vendidos como coisas indispensáveis de ter, dando a impressão de que não se pode viver sem um iPhone", lamenta Hélène Bourges, encarregada do Cniid. A importante taxa de renovação destes aparelhos --a cada dois anos para os celulares, por exemplo-- causa um problema, já que muitos deles são descartados quando podiam ser úteis. Esses aparelhos, cujos componentes são de forte poluição, não devem ser jogados em latas de lixo comum, e sim em lugares de reciclagem especiais, recorda Christian Brabant, diretor-geral da Eco-systèmes, o organismo francês que gerencia desde 2006 o recolhimento de resíduos de equipamentos elétricos e eletrônicos. Atualmente, menos da terça parte dos aparelhos vendidos no mercado é colocada ao fim de sua vida útil nesses locais de reciclagem (6,5 kg por habitante por 22 kg de produtos comercializados em 2009). "Muitos aparelhos são guardados ou jogados no lixo. A prioridade é levá-los aos locais adequados ou devolvê-los ao distribuidor", explica. Para quem, apesar de tudo, querem ganhar um novo smartphone de presente de Natal, é possível encontrar material de segunda mão, afirma Annelaure Wittmann, que aconselha, além disso, que sejam dados presentes mais virtuais, como um lote de canções para ser baixado legalmente.

RÁPIDAS & CURTAS DO BORJÃO:

# MERCADINHOS SÃO LUIZ - No programa Encontro Marcado, domingo 19/12, o Diretor do Mercadinhos São Luiz, Sr. Neto, reafirmou a Egídio Serpa que NÃO tem pretensão de vender os Mercadinhos São Luiz. Esses comentários surgiram no mercado por conta da investida do grupo chileno Cenconsud, na capital do Ceará, onde já comprou o supermercado Familia. Neto ainda reiterou que está fazendo investimentos, dentre eles, a ampliação do Centro de Distribuição que irá triplicar de tamanho.

# CARIRI SHOPPING SERÁ O MAIOR NO INTERIOR DO NORDESTE - Com 13 anos de existência, o Cariri Shopping, localizado no extremo sul do Ceará, planeja uma grande expansão para 2011, quando irá investir R$ 50 milhões para dobrar de tamanho e tornar-se o maior shopping do interior do Nordeste. O projeto vai gerar cerca de 1300 postos de trabalho diretos e indiretos na fase de execução. Com a conclusão da ampliação, prevista para outubro de 2011, a estimativa é que sejam gerados 900 postos de trabalho com carteira assinada e mais de dois mil empregos indiretos.Após a expansão, o Cariri Shopping passará de 74 para 193 lojas, com cinco âncoras, 11 megalojas, um hipermercado, Parque Infantil e quatro salas de cinema. Já a área total construída será duplicada, chegando a mais de 42 mil metros quadrados, com ABL de 24.236 m². A expansão do empreendimento é justificada pelo crescimento do número de clientes, oriundos de toda a região chamada Vale do Cariri, formadas pelo triângulo CRAJUBAR, que integram os municípios de Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha.Somente no Natal de 2010, as vendas no Cariri Shopping deverão crescer cerca de 30% em relação ao ano passado. "Esse Natal será o melhor dos últimos anos, com as vendas crescendo significativamente", destaca a gerente de Marketing do Cariri Shopping, Alessandra Lourenço.

# O QUE FALAM DO BLOG DO BORJÃO - A web leitora do Blog Glaydes Albuquerque ao acessar no dia 19-12-2010 o Tópico "DICA DO BORJÃO" postou o seguinte comentário: "Borjão, Sou sua leitora assídua. Parabéns, pela junção de pai e filho; Simonal e Simoninha. Precisamos, cada dia mais, conscientizarmos os nossos irmãos, que o racismo já era! Um abraço, Glaydes Albuquerque."

# FILOSOFIA DE BOTECO MADE IN "RABISCOS DO SAMUEL" (http://rabiscosdosamueljunior.blogspot.com/): Na parede do banheiro masculino do bar, estava rabiscado: O homem abrindo as pernas vai no máximo a um metro e meio... Já a mulher, abrindo as pernas, vai aonde quiser.

INDICADORES DO BLOG

INDICE BOVESPA
-1,06 Fech. Atual: 67.263 pts – 18:15 hs – 20-12-2010 - Fech. Anterior: 67.981 pts

BOLSAS NO MUNDO
INDICADOR
VARIAÇÃO*
DATA
CAC 40 - Paris
+0.45
20/12/2010
DAX - Frankfurt
+0.51
20/12/2010
Dow Jones
-0.02
20/12/2010
FTSE-100 Londres
+0.33
20/12/2010
H.Seng-H.Kong Exch.
-0.33
20/12/2010
IBEX 35-Madrid Stock Exch.
+0.99
20/12/2010
Nasdaq Composite Index
+0.32
20/12/2010

CÂMBIO
MOEDA
COMPRA(R$)
VENDA(R$)
DATA
HORA
US$ Com
1.7060
1.7080
20/12/2010
17:05
US$ Par
1.8000
1.9200
20/12/2010
17:04
US$ Tur
1.6400
1.8000
20/12/2010
17:04
US$ Médio
1.7074
1.7082
20/12/2010
17:44
Euro
2.2388
2.2413
20/12/2010
21:30

INFLAÇÃO
INDICADOR
VALOR(R$)
VARIAÇÃO(%)
DATA
IGP-DI - Mês
1.58
+0.00
30/11/2010
IPC SP (FIPE) - Mês
0.72
+0.00
30/11/2010
IPCA (IBGE) - Mês
0.83
+0.00
23/11/2010

INDICADORES
INDICADOR
VALOR(R$)
VARIAÇÃO(%)
DATA
CDB Pré 30 dias CETIP
10.37
-4.33
11/05/2009
CDI Over - Andima
1.206103
+0.00
17/12/2010
Poupança 1o. dia mês seguinte
0.64130
+0.00
01/12/2010
Poupança Dia
0.57730
+0.00
20/12/2010
Taxa Juros Longo Prazo Ano
6.00
+0.00
01/11/2010
TBF - Taxa Básica Financeira Mês
0.8661
+0.00
17/12/2010
INPC % Mes IBGE
1.03
+0.00
31/11/2010
Taxa Prime (ano)
3.25
+0.00
20/12/2010
Taxa Selic Over
10.66
+0.00
20/12/2010
Libor 1M-British Pound
0.58188
+0.00
20/12/2010