Agradecemos sua visita ao "Blog do Borjão"

segunda-feira, 29 de junho de 2009

CAUSOS DO ROLANDO BOLDRIN

PROPAGANDA EM TECO-TECO

Por Rolando Boldrin

Esse causo envolveu uma certa campanha para eleição de prefeito lá na minha terra. Um tipo muito popular, chamado João Mataraia, contratou um desses pilotos de teco-teco para jogar uns folhetos onde se lia: "Vote em João Mataraia, o prefeito que não faia".

E para jogar os tais folhetos, era preciso um ajudante. Quem foi que ele convidou para essa empreitada? Um dos meus irmãos, que tinha o carinhoso apelido de Gracinha.

Lá foram os dois pelos ares numa linda manhã de domingo. E aí começaram as artimanhas do piloto, que subia verticalmente rumo aos céus, para em seguida fazer um grande parafuso com o avião desligado. Quando o dito aviãozinho estava prestes a esborrachar-se no chão, o piloto fazia uma manobra brusca e gritava para o ajudante: "Joga!".

Gracinha obedecia, assustado. E lá ia o avião pelos ares de novo. Nova acrobacia, agora diferente da primeira, e a ordem do piloto, sempre depois de um gole de cachaça: "Joga!".

E Gracinha tremendo, sem saber por que tanta ousadia. "Joga!".

E mais um gole da mardita. Foi então que lá pelo décimo mergulho do aviãozinho, com o piloto ainda insatisfeito com o resultado da missão, Gracinha tomou coragem:

– Ô seu motorista! Precisa mermo esse trem voar tão baixo?

E o piloto explodiu:

– Ocê num sabe fazê propaganda pra essa gente, Gracinha! Num causo desses, a gente tem que dá o folheto bem na mão deles. Senão eles num lê! Eles num lê!

Nenhum comentário: